No dia da Consciência Negra, Fátima Bernardes apresenta relatos de crianças que sofreram racismo e fala sobre assassinato no Carrefour

Nome da apresentadora tornou-se assunto do momento no Twitter

Anúncio


Nesta sexta-feira (20), na qual está sendo celebrado o Dia da Consciência Negra, o programa Encontro com Fátima Bernardes abordou o racismo ainda presente na sociedade brasileira, gerando muita repercussão nas redes sociais e levando o nome da apresentadora aos assuntos mais comentados do Twitter brasileiro.

Continua depois da publicidade

Na ocasião, crianças falaram, no programa de Fátima Bernardes, sobre o racismo que sofreram, deixando os internautas muito emocionados. Além disso, o apresentador Manoel Soares lamentou a morte de João Alberto Soares, homem negro que morreu no dia anterior, após ser espancado por seguranças e um cliente em uma loja do Carrefour.

Você pode gostar: Em vídeo, Gusttavo Lima aparece supostamente beijando modelo após fim com Andressa Suita 

Continua depois da publicidade

O Dia da Consciência Negra passou a ser celebrado no Brasil em 2003 e busca refletir sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A data escolhida é atribuída à morte de Zumbi dos Palmares, assassinado em 20 de novembro de 1695.

Continua depois da publicidade

No programa apresentado por Fátima Bernardes, crianças negras fizeram relatos de algumas situações de racismo que vivenciaram, levando suas mães às lágrimas e emocionando os internautas. Veja alguns tweets sobre esse assunto:

Na ocasião, o apresentador Manoel Soares também falou sobre o racismo, lamentando a morte de João Alberto Soares que, aos 40 anos, morreu após ser espancado por seguranças do Carrefour e um cliente que cumpria, temporariamente, funções administrativas na polícia.

O apresentador lembrou o caso de George Floyd, homem negro assassinado por policiais nos Estados Unidos, que gerou uma onda de manifestações populares com a temática antirracista e propôs uma reflexão sobre o que seria feito a respeito disso aqui no Brasil. Além disso, Manoel afirmou que o homem negro morto poderia ter sido ele mesmo que tem a mesma idade de João e já foi, muitas vezes, perseguido por seguranças em supermercados. Veja só parte da fala dele:

Não perca essa: Sikêra Júnior desabafa e faz apelo ao vivo após Xuxa Meneghel exigir a sua demissão da Rede TV

Nós temos um desenho muito complicado no Brasil que é quando olhamos para esse tipo de situação com uma certa naturalidade. É óbvio que para nós, pessoas negras, o fato de acontecer hoje tem um peso monstruoso. Antes de entrar aqui, eu estava acalmando a minha mãe, que viu o caso e começou a chorar. Ela dizia: ‘no Dia da Consciência Negra, nós somos obrigados a ver isso.
Quem está em casa precisa entender que o aumento de assassinato a pessoas negras está sendo monstruoso. 11,5% de aumento, com morte de negros, durante a pandemia. E uma queda de 12,5% com pessoas branca.

Leia também: Pode-se criar borboletas? Veja a transformação desse bichinho especial

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies