Escolhendo a cafeteira certa: conheça 4 tipos que estão conquistando o público

Para os amantes de café, essa é uma das escolhas mais difíceis

Anúncio


Existem muitas maneiras inusitadas e incríveis de fazer um bom café, mas, como escolher a cafeteira certa para você? O Folha Go, hoje (22/10) resolveu te ajudar nessa questão, afinal, além da beleza, é preciso prestar atenção na funcionalidade.

Continua depois da publicidade

Usar os grãos que tenham qualidade é um dos passos principais para preparar uma bebida excelente. O equipamento utilizado, contudo, também é de extrema importância. Isso porque cada um dos métodos para extração do sabor ressalta algumas características específicas do café depois de pronto.

Assim, leia mais: Ferro de passar roupas: saiba 5 cuidados de uso e evite acidentes

Continua depois da publicidade

Existem cafeteiras de tamanhos e tipos variados, para todos os gostos. Tem para quem busca praticidade e não tem tempo no dia a dia, tem as estilosas, as utilitárias, enfim… Nesta matéria, vamos comentar sobre 4 tipos diferentes que estão se popularizando cada vez mais entre os brasileiros. Assim, você poderá optar pela cafeteira certa, que te ajudará a tomar sempre aquele cafezinho delicioso! Veja só!

Continua depois da publicidade

Os 4 tipos mais populares: escolha a cafeteira certa para você

Claro que existem muitas outras opções, mas essas são as que mais conquistaram o coração do público amante de café. Confira!

1.Cafeteira com coador

A cafeteira de filtro é prática, com suas vantagens e desvantagens
A cafeteira de filtro é prática, com suas vantagens e desvantagens (Imagem: Reprodução/Mercado Livre)

Você tem lembranças da sua avó passando o café naqueles coadores de pano? Esse método é bem simples e casual, sendo o que mais se vê aqui no Brasil. Contudo, algumas dicas podem ser seguidas para se obter o máximo sabor da bebida feita nesse tipo de eletrodoméstico.

  • Os filtros de papel devem ser dobrados pela costura. Assim, se encaixará melhor no suporte e a água fluirá desimpedida enquanto estiver descendo. Caso não queira uma bebida com gosto de papel residual, escalde o filtro antecipadamente;
  • Filtros de pano não precisam ser escaldados, mas precisam ser bem limpos e trocados de 2 em 2 meses;
  • A recomendação quanto a proporção seria de 1 colher de sopa cheia de café para 100 ml d’água, seja ela mineral ou filtrada. Lembre-se que moagens médias a finas são as ideais para se utilizar nesse tipo de cafeteira, como os pós que encontramos comercializados.

2.Cafeteira expressa

A cafeteira expressa pode utilizar o pó para fazer a bebida
A cafeteira expressa pode utilizar o pó para fazer a bebida (Imagem: Reprodução/Ponto Frio)

Essa é a máquina de café expresso tradicional, conhecida no mundo todo. É a cafeteira certa para quem fica na correria do dia a dia e não pode parar muito tempo para preparar a bebida. O cafezinho sai com aproximadamente 25 segundos, com aquele sabor mais forte e aroma apurado.

O processo de funcionamento se dá da seguinte maneira: deve-se utilizar uma quantidade padronizada de pó para até duas xícaras. Depois disso, o pó é compactado manualmente e colocado sob pressão em água a uma temperatura de 92°C por aproximadamente 25 segundos.

Ademais, confira também: Moda para a estação com os vestidos breezy dress: veja 5 dicas de como usar e arrasar

3.Expressa em cápsula

Além do pó, a expressa usa também cápsulas
Além do pó, a expressa usa também cápsulas (Imagem: Reprodução/Mercado Livre)

Praticidade na hora do café? A cafeteira expressa em cápsulas pode te proporcionar isso e muito mais. O café de cápsula tem feito um enorme sucesso por conta dos muitos sabores e aromas que apresenta.

Essa é a cafeteira certa para quem não quer ter trabalho, pois a única coisa que terá que fazer é encher de água o reservatório próprio. Quando for preparar a bebida, basta acrescentar a cápsula que queira no local indicado. Apertou o botão? Prontinho! O café sai delicioso em apenas alguns segundos.

As cápsulas podem ser encontradas em todos os supermercados, mas também nas cafeterias e lojas especializadas. Os valores são variáveis e dependerão de marca, sabor e quantidade comprada.

4.Aram

A cafeteira Aram é uma forma sustentável de fazer café
A cafeteira Aram é uma forma sustentável de fazer café (Imagem: Reprodução/Aram)

Essa é uma criação brasileira sustentável e manual. Ela chegou ao mercado para revolucionar a forma de se preparar a bebida. A Aram é ecologicamente correta, pois une vida útil, simplicidade, bem como versatilidade em um só eletrodoméstico. E o melhor é que existe a versão com base em aço e a versão portátil, onde se pode preparar o café onde e quando quiser.

A proposta é deixar que o consumidor prepare a bebida segundo seu gosto, pois é ele quem vai controlar a pressão. Isso resulta em um café concentrado ou um café suave, vai depender da preferência mesmo.

O funcionamento é simples. A Aram deve ser pré-aquecida com uma quantidade de água fervendo. O café usado é em grãos, moído na hora (cerca de 22 gramas) tal como sal. Em seguida, o porta-filtro é removido e o café depositado ali. Para a compactação, usa-se o tamper.

Descarte a água de aquecimento da cafeteira e suba a manivela no sentido anti-horário. Posteriormente, encaixe o porta-filtro e rosqueie. Coloque água mineral fervente na Aram, com um copo em cima da base. Nesse momento, é preciso subir ao máximo a manivela, descendo-a em sentido contrário, de forma que a bebida seja extraída.

Viu só como cada um dos métodos que mostramos tem suas qualidades únicas? Por isso, a cafeteira certa para você é aquela que mais se adapta ao seu estilo de vida. Não preze somente pela beleza do eletrodoméstico; preze pela qualidade do café que você irá consumir!

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies