Congelamento de aposentadorias é opção para os R$ 300 do Renda Cidadã

Equipe econômica quer cortar gastos para tirar ideia do papel

Anúncio


O Renda Cidadã é um projeto que o Governo Federal para substituir o bolsa família. A ideia é disponibilizar um valor mensal para famílias de baixa renda. Para pagar o programa, uma das ideias propostas pela equipe do governo é o congelamento de aposentadorias. Entretanto, hoje, 26/11, muitos cidadãos têm dúvidas sobre como isso tudo vai funcionar.

Continua depois da publicidade
Congelamento de aposentadorias ainda é opção para criação do novo programa social; entenda (imagem: divulgação/G1)
Congelamento de aposentadorias ainda é opção para criação do novo programa social; entenda (imagem: divulgação/G1)

Veja também: Simulação de aposentadoria por idade pode ser feita sem sair de casa.

Entenda o Renda Cidadã

O Renda Cidadã é um projeto do Governo Federal que ainda está em fase de discussão e que tem como objetivo a transferência de renda. A ideia é ampliar o Bolsa Família e incluir mais pessoas que precisarão se manter após o fim do Auxílio Emergencial.

Continua depois da publicidade

Ainda não se tem um valor definido para o programa, mas o que se especula é que seja de R$ 300, acompanhando o valor das últimas parcelas do auxílio.

Continua depois da publicidade

Um dos grandes problemas que se tem discutido no Planalto é de onde vai sair o dinheiro para bancar o projeto.

Congelamento de aposentadorias é uma das opções

O programa está suspenso até que as eleições municipais sejam de fato decididas. Enquanto isso, a equipe econômica discute formas de bancar o novo programa social que, por sua vez, visa também aumentar a popularidade do então presidente Jair Bolsonaro.

Uma das ideias é o congelamento das aposentadorias, que dessa vez incluiria também as pensões.

Segundo o Secretário Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, a proposta é que aposentadorias e pensões sejam desvinculadas do salário mínimo.

Na prática, isso faz com que se evitem os reajustes e consequentemente congelem as aposentadorias por dois anos. Resultando, portanto, em valores que podem ser destinados para pôr em prática o projeto de implantação do renda cidadã.

Segundo o Secretário, a desindexação seria feita apenas de quem ganha um salário mínimo ou mais.

Se aprovada, quem recebe hoje um valor de R$ 1.500 de aposentadoria, não terá reajuste pelo INPC no próximo ano e continuará recebendo os mesmos R$ 1.500, resultando em um menor poder de compra.

Veja também: Qual será o aumento dos aposentados em 2021?

Como é feito o cálculo dos benefícios hoje?

Hoje, o aposentado ou pensionista tem o valor do seu benefício reajustado de acordo com o salário mínimo, regra essa que é estabelecida pela própria Constituição Federal.

Andamento da proposta

A proposta está parada, mas as articulações para que saia do papel ganham mais força com o fim do auxílio emergencial.

Com a decisão do segundo turno ainda esta semana, já na segunda-feira começam os trabalhos para rever essa pauta.

Apesar do presidente da República já ter mencionado que por parte do Executivo não haverá autorização do congelamento das aposentadorias, a ideia ainda não foi descartada e está entre um dos argumentos dos articuladores no Congresso.

O governo está meio enrolado com toda essa situação e junto dela ainda se pensa sobre uma possível segunda onda do novo Coronavirus, o que pode fazer o Congresso querer estender o prazo do auxílio emergencial, proposta que é recusada pelo então Ministro da Economia, Paulo Guedes.

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies