Consórcio gamer do Banco do Brasil é opção para quem gosta de jogos

A possibilidade criada pelo banco é oportunidade de compra de jogos e acessórios eletrônicos

Agora já é possível participar do consórcio gamer Banco do Brasil. Desde agosto deste ano, o BB está com uma novidade para quem gosta de games e tem vontade de comprar muitos produtos deste mercado. Mas será que este novo serviço é bom? Como funciona? Hoje, 28 de novembro, a partir desta matéria, todas essas dúvidas serão esclarecidas.

O consórcio é uma forma de realizar a compra de um bem de uma forma mais acessível. A administradora irá reunir um grupo de pessoas que desejam o mesmo produto e, assim, elas pagarão uma parcela mensal. Todavia, a modalidade apresenta, na maioria dos casos, duas formas de contemplação: sorteio e lance.

O consorciado, então, terá a possibilidade de adquirir o bem ou a carta de crédito antes de pagar todas as parcelas. Geralmente os bens oferecidos são imóveis e veículos, por isso a nova opção de produtos voltados para os gamers causou curiosidade.

Veja o comunicado do Banco do Brasil:

“Considerando o crescente mercado do e-sports, foram incluídos bens de referência específicos para o público Gamer, com valores de R$ 1.250 até R$ 11.000, objetivando atingir maior visibilidade nesse nicho, oferecendo uma opção de compra planejada, com prazos mais longos de até 48 meses, sem juros e sem IOF”

Você pode ter interesse: Consórcio Sicredi chama atenção de clientes pela variedade de serviços

Consórcio gamer do Banco do Brasil é opção para quem gosta de jogos
Consórcio gamer do Banco do Brasil é opção para quem gosta de jogos / Foto: Freepick

Condições do consórcio gamer Banco do Brasil

O consórcio gamer Banco do Brasil irá funcionar da maneira padrão. Então, como já apresentado, o consorciado deverá pagar uma parcela mensal e pode ser contemplado através de lance ou sorteio.

O que vai mudar em relação aos outros consórcios padrões, são as condições. Pois a instituição disponibiliza oito bens de referência, onde os valores variam de R$ 1.250 até R$ 11 mil. Os produtos possuem o parcelamento mínimo de 36 vezes e o máximo de 48.

As taxas de juros, adesão e IOF não serão cobradas, porém, as taxas administravas estarão diluídas nas parcelas do consórcio gamer Banco do Brasil.

Veja as opções de bens que estão disponíveis:

  • Cadeira gamer – R$ 1.250 – 48 x R$ 33,55
  • Kit gamer – R$ 1.750 – 48 x R$ 46,98
  • Kit gamer – R$ 1.750 – 36 x R$ 63,26
  • Placa de vídeo – R$ 3,5 mil – 48 x R$ 93,96
  • Console gamer – R$ 4,5 mil – 48 x R$ 120,80
  • Pc gamer – R$ 6,5 mil – 47 x R$ 184,44
  • Kit gamer top – R$ 8,5 mil – 47 x R$ 237,43
  • Pc gamer top – R$ 11 mil – 47 x R$ 307,28

Os valores são chamativos, mas é importante o comprador lembrar que o produto não será entregue logo após o fechamento do contrato. Pois o consorciado terá que ser sorteado, dar um lance ou pagar todas as parcelas para receber, como já foi falado.

Saiba também: Consórcio Itaú é alternativa para quem deseja carro ou imóvel; conheça detalhes

O consórcio vale a pena? Qual a reputação no Reclame Aqui?

Como funciona o consórcio gamer Banco do Brasil? Vale a pena?
Como funciona o consórcio gamer Banco do Brasil? Vale a pena? | Foto: CanalBB

Quem vai entrar em um consórcio deve estar ciente de todas as regras. Então, a decisão deve ser tomada individualmente.

Mas é sempre interessante frisar que o mundo dos games e da tecnologia atualizam constantemente. Por isso, é bom ficar atento aos valores e também aos produtos escolhidos.

Para verificar se o serviços valem a pena, é sempre bom realizar algumas pesquisas antes de fechar o contrato. No site Reclame Aqui, o consórcio gamer Banco do Brasil apresenta algumas reclamações que podem ser importantes para a decisão.

As duas notificações encontradas relataram dificuldades de encontrar alguma loja que aceitassem a carta de crédito, após a contemplação; deixando, assim, o dinheiro do consórcio sem função. A instituição respondeu as duas reclamações explicando detalhes sobre a utilização da carta de crédito.

Diante disso e de toda a explicação, cabe a cada indivíduo continuar pesquisando sobre o serviço e verificar se ele realmente está de acordo com o esperado.

Veja mais: Consórcio Magazine Luiza tem cerca de 1.200 contemplados por mês

Leave A Reply

Your email address will not be published.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies