Dívida no SPC/Serasa pode chegar a até 90% de desconto em site brasileiro

Plataforma emDia facilita vida de negativados com negociações on-line que podem alcançar descontos generosos

Anúncio


A plataforma emDia permite aos consumidores brasileiros que estão com alguma dívida pendente no SPC e Serasa, renegociá-la de forma mais tranquila, discreta e sem os supostos constrangimentos que envolvem a situação. Sem a necessidade, portanto, do habitual sentimento de vergonha que toma alguns, ao ter que entrar em contato direto por telefone com algum atendente do outro lado.

Continua depois da publicidade

Trata-se de um site para a negociação de dívidas totalmente on-line. O processo dispensa a realização de telefonemas ou horários específicos de funcionamento. Assim, o consumidor pode renegociar seus débitos pendentes de um modo sigiloso, seguro e rápido.

A nota da empresa junto ao site Reclame Aqui é 8.0, o que é considerada uma nota muito boa. Um possível indicador, portanto, de credibilidade junto ao seu público.

Continua depois da publicidade

Leia ainda: Negativados no SPC e Serasa podem negociar dívidas através da Credsystem; entenda

Continua depois da publicidade

Negociação de dívida negativada no SPC e Serasa pela emDia

emdia spc e serasa negociação (1)
Eu emDia: plataforma permite renegociar 100% online as dívidas no SPC e Serasa. Fonte da imagem: Freepik

A plataforma virtual emDia que, conforme já citado, permite a renegociação 100% on-line de dívida que foi negativada no SPC e Serasa, possui parceria com uma infinidade de empresas conhecidas e conceituadas no mercado. Entre elas é possível citar o Santander, Banco Pan, Vivo, Marisa, Pernambucanas, Agibank, Casas Bahia entre outras tantas mais.

As tais empresas ao se tornarem parceiras da plataforma em questão, dão a ela a permissão para gerenciar a carteira de crédito e, assim, intermediar esse processo de negociação de dívidas. É mais uma forma encontrada, portanto, para que obtenham a recuperação do crédito.

Leia ainda: Feirão Serasa Limpa Nome prorrogado: até 21/12 para negociar dívidas com até 99% de desconto

Para iniciar a negociação de dívidas no site, é preciso cumprir o passo a passo detalhado adiante.

Passos para negociar dívidas com a plataforma

Siga à risca o passo a passo detalhado a seguir:

  • No canto superior direito da página inicial, é necessário clicar em “Cadastre-se”. Outra possibilidade é digitar o seu CPF na lacuna em branco situada em um dos banners na página inicial;
  • Ao se fazer isso, em ambos os casos, o consumidor será redirecionado para uma página de cadastro, onde deverá fornecer alguns dados pessoais básicos e, assim, criar uma senha para logar futuramente;
  • Terminado o cadastro, ele receberá um código por SMS no celular informado. Esse código deverá ser validado no site;
  • Em seguida, o login terá sido efetivado e o consumidor pode  verificar se a sua dívida está na plataforma. Em caso positivo, serão avaliadas propostas de acordo com a situação;
  • Caso não se encontre uma proposta nos moldes almejado, é possível simular um novo valor e definir se quer fazer o pagamento parcelado ou à vista. Basta confirmar e pronto, o acordo está fechado.

Leia ainda: CPF restrito: 3 passos vitais para sair das dívidas e voltar a ter crédito no mercado

Supostos benefícios e limitações da plataforma emDia

Um dos benefícios da negociação pela plataforma emDia é que as parcelas são fixas. Aliás, os débitos podem ser parcelados em até 72 vezes.

Os descontos, por sua vez, podem chegar a até 90% do valor devido. Ademais, em poucos minutos é possível realizar toda a negociação.

Uma limitação que pode ser elencada está no fato de que, como já era de se esperar, só se pode negociar débitos no SPC e Serasa, com empresas parceiras do site. Em outras palavras, caso sua dívida não seja de uma empresa que tem parceria com a plataforma, não será possível a quitação por ali.

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies