Saque emergencial do Nubank aumentou; saiba como funciona e como usá-lo

Agora é possível sacar até 15% do limite do cartão

Anúncio


Continua depois da publicidade

O cliente do Nubank possui duas alternativas distintas de saque: aquele feito para retirar dinheiro da NuConta, usando o cartão na função débito e aquele para sacar uma porcentagem do limite do cartão de crédito. Aliás, este último é conhecido como saque emergencial Nubank.

De acordo com a empresa, houve um aumento no limite desse tipo de saque no cartão de crédito. Com efeito, anteriormente o cliente podia sacar até 5% do seu limite do cartão. Agora, ele pode sacar até 15% desse limite. Mas como funciona esse saque? Quando vale a pena utilizá-lo? Confira na matéria desta quarta-feira (4).

Continua depois da publicidade

Leia ainda: Cartão Nubank Platinum tem limite maior? Entenda mais sobre essa versão

Continua depois da publicidade

Como funciona o saque emergencial Nubank?

saque emergencial nubank cartão de crédito
Saque emergencial Nubank: saiba como funciona e quando deve usá-lo. Fonte da imagem: Veja/Reprodução

Apesar do aumento do limite para o saque emergencial Nubank, vale a ressalva de que, a partir de agora, serão cobrados juros de cerca de 9,75% ao mês, conforme o valor sacado e a quantidade de dias. Desde o momento do saque até o vencimento da fatura. Antes não se cobrava absolutamente nada por isso.

Portanto, em outras palavras, assim que um usuário faz um saque do limite de seu cartão de crédito, os juros decorrentes desse saque serão cobrados automaticamente.

Desse modo, o valor do saque efetuado, acrescido dos devidos juros, deverão ser pagos juntamente com o restante dos gastos efetuados na fatura do cartão.

Leia ainda: Cartão de crédito para negativado com limite existe mesmo? Saiba mais

É válido pontuar que o saque do limite do cartão de crédito atua como uma espécie de empréstimo (uma vez que a instituição financeira empresta uma soma de dinheiro para o cliente, para que ele pague posteriormente, no vencimento da fatura).

Por conta disso, é interessante que o cliente pague o quanto antes esse valor, a fim de que menos dias corram e, consequentemente, menos juros sejam cobrados.

Quando vale a pena fazer um saque no cartão de crédito?

Visto que os juros cobrados pelo saque emergencial Nubank são um tanto quanto elevados, recomenda-se deixar esse recurso para somente alguns casos excepcionais e bastante específicos.

Um desses casos é quando se viaja para algum país estrangeiro e seja preciso usar dinheiro físico.

Para que a operação seja possível, tudo o que se necessita é ir até um caixa eletrônico pertencente à rede Cirrus e efetuar o saque na moeda local.

Nessa situação, o saque em questão entra como compra internacional na fatura e, a cobrança, por sua vez, será em reais.

Leia ainda: Entenda como sacar dinheiro da NuConta do Nubank e as tarifas da transação

Outro contexto no qual se recomenda efetuar essa modalidade de saque, é em situações extras, onde o dinheiro físico seja uma real necessidade.

Suponha-se que o usuário fará uma compra em um estabelecimento comercial, porém não se aceita cartão de crédito. Ou suponhamos, por exemplo, que exista a necessidade de se pagar alguém com dinheiro em espécie, pois a pessoa não possui uma conta bancária. Nessas situações, a saída, portanto, pode ser sacar o limite do cartão.

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies