Primeiros passos do bebê: veja dicas para ajudar seu filho

Estar ao lado da criança nesse momento tão importante é essencial

Os primeiros passos do bebê podem acontecer aos nove meses, mas o mais comum que seja com um ano. É normal que os pais fiquem ansiosos para essa etapa. Para isso, o Colo de mãe, do site Folha Go, escolheu a dedo algumas dicas preciosas.

Continua depois da publicidade

Leia mais: Enxoval Do Bebê: Saiba O Que Comprar E Como Organizar

Afinal, existe coisa mais fofa que uma criança aprendendo andar? Nessa idade, as crianças já estão com uma estrutura física e emocional para ficar em pé sozinhas e se movimentar.

Continua depois da publicidade

É sobre isso o que a matéria abaixo vai comentar. Portanto, não perca nenhum detalhe para conseguir entender tudo sobre o assunto.

Primeiros passos do bebê: como ajudá-lo

Existem algumas atividades que vão ajudar seu filho a andar, sem que isso interferira no processo natural. Pelo contrário, fará ainda mais bem.

Chame seu filho para andar como se fosse uma brincadeira, ele vai amar!
Chame seu filho para andar como se fosse uma brincadeira, ele vai amar! – Foto: Photo Images

Segure as mãos

Conforme o bebê cresce, ele dá sinais de independência. Assim, ele aprende a virar na cama, consegue ficar sentado, consegue se sentar, passar a engatinhar e por aí vai.

Em consequência desse processo, quando a criança conseguir se equilibrar, segure em suas mãos. Vá guiando-a de passo em passo, mas não a deixe se cansar. Vá no tempo dela.

Estimule os primeiros passos do bebê com ele deitado

Nessa atividade, o bebê precisa estar deitado de barriga para cima. Dessa forma, apoie suas mãos nos pezinhos dele, e com uma pressão leve, movimente. Ele vai amar, e você ajuda no desenvolvimento e fortalecimento dos músculos das penas.

Desafie seu bebê

De acordo o desenvolvimento dos passos, dê curtas trajetórias para seu filho andar, cerca de dois ou três passos adultos. Fique de frente para ele, segure um brinquedo e peça para que pegue.

Tenha atenção com o equilíbrio e em como ele executa os passos. Os pequenos amam essa brincadeira também. Portanto, aumente sempre que sentir que dá.

O bebê caiu ensaiando seus primeiros passos: e agora?

É normal, às vezes inevitável, que as crianças caiam. Mas tenha atenção e cuidado para evitar grandes acidentes.

Lembre também de conter a sua reação. O susto dos pequenos pode causar mais medo neles do que a própria queda ou batida.

Meu filho não anda

Mantenha visitas regulares ao médico que acompanha seu filho, conte suas evoluções e também as preocupações que você tem. O alerta deve estar ligado se depois de um ano e quatro meses ele não tiver dado os primeiros passos.

Embora muitas vezes trata-se de falta de estimulo, é bom avisar ao médico para saber como lidar com essa situação. Assim, ele direcionará para o caminho certo.

Mãe brincando com filho que dá os primeiros passos
Brinque estimulando seu filho a dar os primeiros passos – Foto: Getty Image

Existe idade certa para começar os estímulos aos primeiros passos do bebê?

Não. Comece de maneira natural. Este não é um treinamento, nem muito menos uma preparação para um esporte. Andar, assim como todo o crescimento, é um processo.

Brinque com seu filho, coloque de pé, sentado, brinque os pés e pernas. Treine e acompanhe sua evolução.

Embora haja ansiedade, vontade de ver logo os pequenos correndo pela casa, é necessário também paciência e prudência. Brinque, mas esteja atenta ao equilíbrio, a força motora e também não deixe que ele se canse. Os primeiros passos do bebê são importantes, portanto, aproveite esse momento.


Continua depois da publicidade
Para obter mais conteúdos siga o Folha Go no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão aprovados. Leia os termos de uso e participe com responsabilidade.