Alimentação saudável: saiba as diferenças entre dieta vegana, paleo e ortomolecular

Nem toda dieta da moda é a ideal para você

Anúncio


Está em busca de uma alimentação mais saudável, mas não sabe por onde começar?  Hoje 20/05, no Webnews do Folha Go, você vai aprender sobre as dietas vegana, paleo e ortomolecular. Assim, você conseguirá identificar qual se enquadra mais no seu estilo de vida e descobrir a melhor forma de manter a sua alimentação saudável em dia.

Continua depois da publicidade

Leia também: 3 versões do shot detox: confira as bebidas saudáveis que podem ser incluídas sem problemas na dieta rotineira

 

Continua depois da publicidade
dieta vegana, paleo e ortomolecular
Dieta vegana, paleo e ortomolecular (Fonte: Freepik)

Saiba mais sobre as dietas vegana, paleo e ortomolecular

Atualmente, tem crescido muito o número de pessoas que estão seguindo essa dieta que se baseia na exclusão de alimentos de origem animal e todos os seus derivados.

Continua depois da publicidade

Dieta Vegana

Além disso, os veganos também não utilizam produtos testados em animais e não frequentam lugares como zoológicos e circos, sempre buscando não contribuir com os maus tratos aos animais.

Mas então do que os veganos se alimentam? Os veganos incluem em suas dietas alimentos de origem vegetal como cereais, leguminosas, nozes, sementes oleaginosas, legumes, verduras e frutas.

Essa dieta possui benefícios para o corpo, uma vez que, se baseia na ingestão de alimentos ricos em vitaminas, além de serem alimentos ricos em fibras, o que facilita no processo de digestão dos alimentos.

Contudo, antes de alterar a sua alimentação busque uma ajuda profissional, assim garantindo o seu bem-estar e evitando complicações.

Dieta Paleolítica (Dieta Paleo)

Na dieta paleolítica você deve consumir alimentos naturais, de origem animal e vegetal, assim garantindo que o corpo receba todas as vitaminas e nutrientes necessários e mantendo bom funcionamento do organismo.

Quais alimentos são consumidos nessa dieta? Na dieta paleolítica você deve consumir os alimentos frescos e naturais como as nozes, carnes com baixo teor de gordura, peixe e marisco.

Entretanto, antes de mudar a sua alimentação, consulte um médico nutricionista para evitar deficiências nutricionais e complicações, como perda de cálcio, problema nos rins, confusão mental e desmaios.

Dieta Ortomolecular

Pessoas que utilizam essa dieta buscam restaurar o equilíbrio do organismo através da ingestão de alimentos naturais.

Contudo, a dieta ortomolecular é personalizada, já que cada pessoa necessita de uma suplementação específica.

Sendo assim, para montar o cardápio adequadamente é necessário antes fazer alguns exames, como o de fios de cabelo, sangue e um estudo da rotina.

Sendo assim, antes de trocar toda a sua alimentação busque por um médico e faça as trocas conforme aas necessidades do seu organismo.

Atualmente, a dieta ortomolecular é bastante usada para tratar distúrbios e promover o rejuvenescimento. Contudo, o hábito também auxilia na perda de peso, fadiga crônica, queda de cabelo, insônia, perda de memória e TPM.

Veja também: A busca por uma alimentação saudável está maior durante a pandemia da COVID-19

A dieta vegana, paleo e ortomolecular envolvem mudanças de estilo, conheça mais sobre cada uma delas e confira se, se fato, vão se enquadrar no seu perfil.

Benefícios das ervas e temperos caseiros

Janaína Barros entrevista a bióloga Gabi Pastro sobre os benefícios das ervas e temperos caseiros.

Carregando comentários aguarde...
...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies