Como escolher plano de saúde para pet: confira dicas importantes

Veja quais as principais vantagens de ter esse serviço para seu animal

Apesar de muitas pessoas acharem que é exagero animal ter um plano de saúde, os pets precisam de assistência médica assim como nós humanos. Sendo assim, veja aqui no Blog Pets do Folha Go de hoje (19/09) como escolher plano de saúde para pet e entenda porque é importante pensar sobre essa possibilidade.

Como escolher plano de saúde para pet?

Assim como nós seres humanos, os nossos animais de estimação estão sujeitos a doenças e em algum momento da vida irão precisar de assistência veterinária.

Sendo assim, ter um plano de saúde que cubra despesas veterinárias é bastante interessante, uma vez que os serviços veterinários nem sempre são baratos e imprevistos acontecem quando a gente menos espera, não é mesmo?

No entanto, como escolher um plano de saúde que atenda as necessidades de seu melhor amigo? Bom, antes de mais nada é preciso que você, como tutor busque informações sobre os planos disponíveis em sua região.

A parti daí você precisa se planejar e avaliar quais reais benefícios de escolher ou não um plano.

Leia também: Como escolher cachorro para companhia de idosos; 5 dicas para acertar em cheio

Então, como funciona um plano de saúde para pets?

Os planos de saúde de uma forma geral, servem como uma espécie de seguro em casos de doenças e o seu animalzinho precisar passar por consultas, exames ou algum procedimento cirúrgico.

Dessa forma, o tutor paga mensalmente uma quantia e o animal tem acesso aos serviços que o plano cobre em clínicas veterinárias conveniadas.

No entanto, vale lembrar que os planos de saúde variam de preço e cobertura de serviços de acordo com a região do país, bem como com a empresa prestadora do plano.

Sendo assim, quais ponto o tutor deve levar em consideração? Veja a seguir.

Serviços que são cobertos  pelo plano

O primeiro ponto é sem dúvidas, os serviços que são cobertos pelo plano. Serviços como consultas, exames básicos, vacinas, atendimento emergencial e 24 horas, bem como internações devem está incluso no plano.

Como escolher plano de saúde para pet: confira dicas importantes
Como escolher plano de saúde para pet: confira dicas importantes – Pixabay

Carência para atendimentos

Assim como os serviços prestados, a carência para usufruir deles é muito importante. Isso porque, a maioria dos planos de saúde para pets exigem uma carência de pelo menos 30 dias ou mais.

Analise seu orçamento

Apesar de parecer um pouco absurdo, veja se ter uma plano para o seu animal caberá realmente dentro do orçamento mensal. Pois não adianta muita coisa ter um plano de saúde para o seu pet e quando precisar ele está em atraso.

Seu animal realmente precisa de um plano?

Tenha em mente que isso será um gasto mensal e portanto, dependerá dinheiro. Pensando nisso, avalie se o seu animal realmente precisa de um plano.

Animais jovens, sem doenças prévias ou aqueles que não frequentam o veterinário com regularidade, não precisam tanto de um plano.

Leve em consideração  seu animal

Por fim, mas não menos importante considere o seu animal. Dessa forma, questões como se ele possui mais de 6 anos, tem doenças crônicas e gastos mensais ou anuais com serviços veterinários devem ser pensando com cuidados e pesados na hora de escolher um plano de saúde para o seu pet.

Ademais, você pode gostar também: Vacinação contra a raiva animal: tudo o que você precisa saber para proteger seu melhor amigo

Enfim, curta esse momento de brincadeira super divertida com pet caramelo, veja a alegria e leveza na carinha dela!

-- Continuar depois da publicidade --

Comments
Loading...