Doberman: conheça mais sobre a raça de cão herói

Raça foi criada para servir como cão de guarda, mas já salvou a vida de muitas pessoas

Algumas raças de cachorros possuem dons incríveis e esses “poderes” muitas vezes são utilizados em prol da sociedade, para ajudar as pessoas. E normalmente, é assim que os cães se tornam heróis. E nesse sentido, conheça o Doberman, um pet corajoso e cheio de atitude. Além do mais, os animais dessa raça alemã foram responsáveis por vários resgates importantes na história mundial. Leia este artigo do Folha GO hoje, 10/01, e saiba mais sobre esse pet.

Doberman foi criado para ser cão de guarda, mas se mostrou mais capaz
Doberman surgiu para servir como cão de guarda, mas se mostrou mais capaz | Imagem: Adobe Stock

-- Continuar depois da publicidade --

Leia também: Cão de guarda: conheça 5 raças mais indicadas para proteger você e sua família

A raça Doberman foi criada para servir como cão de guarda

Você sabia que o primeiro cachorro Doberman surgiu em meados de 1890 na Alemanha? Aliás, o criador foi um homem chamado Karl Friedrich Louis Dobermann, que era um cobrador de impostos.

Mas na época, ele queria ter um cão companheiro e que o acompanhasse e o protegesse durante o seu trabalho, sobretudo, indo de porta em porta para cobrar os contribuintes.

Acredita-se que Karl criou o Doberman, que inclusive ganhou o seu nome, através do cruzamento entre as raças Pastor Alemão, Pinscher, Rottweiler, Terrier, Greyhound e Weimaraner.

Resultado dos cruzamentos

E esses cruzamentos o resultaram num cachorro forte, inteligente, leal, corajoso e protetor. A propósito, ele  foi reconhecido oficialmente pelo American Kennel Club em 1900.

Então, por conta dessas características, os cães da raça receberam o status de herói. E foi assim que alguns deles serviram como soldados na Guerra de Okinawa em 1945, no Japão.

-- Continuar depois da publicidade --

Além disso, muitos cachorros Doberman auxiliaram na procura e resgate de vítimas no ataque terrorista às Torres Gêmeas nos Estados Unidos, em 2001.

A admiração é tanta que a Ilha de Guam, localizada no Oceano Pacífico, ganhou um memorial em homenagem aos pets.

Veja ainda: Bullmastiff: descendente do Buldogue é ideal como um cão de guarda

Características físicas

Logo de início, veja as características do cão Doberman e se prepare, pois esse pet é super especial e cheio de energia.

Primeiro, vale ressaltar que o Doberman é um cachorro de porte médio e pode chegar a 45 kg de peso, e até 71 centímetros de comprimento. Ainda assim, a expectativa de vida gira em torno de 10 a 12 anos de idade.

Com sua aparência nobre e elegante, os cães da raça são fortes e musculosos, e possuem marcações corporais quadradas com partes retas e delineadas.

Além do mais, devido ao porte, eles são bastante energéticos e precisam de muito exercício físico diariamente. Por isso, é fundamental ter uma rotina de atividades, como caminhadas, brincadeiras e/ou treinamento.

Mais detalhes

Desse modo, não se indica que esse bichano viva em apartamentos. Afinal, eles necessitam de espaço para se locomover e praticar suas atividades diárias.

Agora, sobre a pelagem desse pet, ela é lisa, curta, grossa e áspera, e normalmente você encontra nas cores preto, azul, vermelho e fulvo.

Mas além da cor principal, também é possível que alguns pets apresentem manchas em tom de vermelho na região da face, pernas e cauda, por exemplo.

Além da cor principal, cães Doberman apresentam manchas na região da face, pernas e cauda
Além da cor principal, cães Doberman apresentam manchas na região da face, pernas e cauda | Imagem: Fotalia

Personalidade do Doberman

É fato que a personalidade desse cachorro, pode assustar. Mas apesar do seu aspecto imponente e sua cara de “mau”, os cachorros Doberman são carinhosos e afetuosos com a família.

Ademais, eles são gentis, dóceis, leais, obedientes, protetores, fáceis de treinar e extremamente inteligentes.

Assim, é importante que você ofereça treinamento aos cães da raça  e eles comecem a socialização ainda enquanto filhotes. Afinal, dessa maneira ele pode se adaptar e conviver em harmonia com todos ao redor.

Continue lendo: Golden Retriever: conheça mais e se apaixone pelo “cão dos sonhos”

-- Continuar depois da publicidade --

Comments
Loading...