Looks like you have blocked notifications!

O que faço se encontrar um gato na porta da minha casa?

Confira algumas orientações sobre gatos que aparecem na sua casa

-- Continuar depois da publicidade --

Gato na casa. Se um dia você perceber que tem um gato na sua porta que não para de miar, é possível que seu coração amoleça. Os gatos podem deixar seu habitat normal e vir para sua casa por vários motivos. Antes de ter um novo gato, é importante saber que tipo de gatinho é e se é seguro recebê-lo em sua casa. Vamos falar mais sobre isso hoje (08/02) aqui na Coluna Pets do Folha Go.

Leia mais: Conheça 3 cães de companhia maravilhosos para escolher hoje

-- Continuar depois da publicidade --

Gato na sua casa

gato na casa
O que faço se encontrar um gato na porta da minha casa? Foto – Pixabay

Já aconteceu com você que, assim que chegou em casa, encontrou um gato, ou que estava assistindo televisão em silêncio e de repente começou a ouvir um miado próximo e quando abriu a porta viu um gato peludo? Se sim, certamente você tem dúvidas sobre o que fazer com isso, certo?

Pode estar perdido, abandonado ou com fome. Vamos ver o que é fazer se encontrar um gato na porta.

No mundo em que vivemos, e devido à forma como vivemos, cada vez mais gatos são obrigados a procurar comida na rua.

Costuma-se pensar que esses animais já conhecem técnicas de caça desde o primeiro dia em que nascem e, portanto, não deve ser difícil para eles encontrarem alimento, mas não é o caso.

Ademais, leia ainda: Cachorro que não cresce: confira 5 pets de raças pequenas e suas características

O que fazer ao encontrar um gato?

gato na casa
Oferecer água e comida podem ajudar esse gato – Foto Pixabay

Ninguém nasce sabendo. Para aprender, eles precisam que a mãe os ensine, mas também não é fácil: se a mãe é uma gata que sempre conviveu com humanos e acabou abandonada, ela terá muita dificuldade em ensiná-los, então gatinhos por serem desmamados, eles não terão escolha a não ser aprender por si próprios.

-- Continuar depois da publicidade --

Com isso em mente, a fome é uma das principais razões pelas quais você pode encontrar um gato na porta. Depois de vasculhar as latas de lixo e não encontrar nada, ele escolherá perguntar aos humanos. No entanto, não é o único.

Outra razão é que o gatinho está  à procura de sua mãe, ou vice-versa. No mundo das ruas, onde existem tantos perigos, as famílias de gatos têm muitos problemas para progredir.

Se você ouvir um gato ou gatinho miando, é mais provável que ele esteja procurando pelos filhos ou pela mãe, exigindo sua atenção. Na pior das hipóteses, você pode pedir ajuda urgente depois de ser atropelado.

E se for inverno, e estiver em uma área onde faz frio, ele pode miar na frente de sua porta para encontrar abrigo.

Sim, os gatos também têm frio e, se não encontrarem um lugar para se protegerem, podem morrer.

Então, se você não quer tê-lo em casa, mas gostaria de fazer algo para ajudá-lo, você pode deixá-lo entrar na garagem – desde que esteja limpo e os produtos químicos não estiverem ao alcance -, ou fazer uma casa para ele e acomodá-lo com cobertores.

O que fazer para ajudá-los?

Você pode fazer várias coisas, que são:

  • Fique com ele: se for um gatinho ou gato que parece sociável, ou seja, se aproxima de você em busca de carícias, você pode tê-lo dentro de casa. Claro, é importante que no dia seguinte, quando ele estiver melhor, você leve ele ao veterinário para ver se tem família ou se necessita de cuidados médicos. Se você não quiser um bichano, é recomendável afixar cartazes por 15 dias na área “Gato Encontrado”, junto com seu telefone, caso alguém esteja procurando por ele.
  • Alimente-o: se você não quiser ou não puder ficar com ele, pode sempre dar de comer e beber em um canto protegido do frio, da chuva e do sol direto. Ele vai gostar.
  • Leve-o para a castração: Portanto, se você puder pagar e, acima de tudo, se desejar, é altamente recomendável que o gato seja castrado, seja ele macho ou fêmea. Os veterinários costumam cobrar um preço especial se for um gato de rua.
  • O que mais pode fazer: outras opções para deixar o felino sem um lar, você pode divulgar nas redes sociais para encontrar alguém para adotá-lo ou também pesquisar na sua cidade locais que que possam abrigá-lo.

Por fim, leia mais: Raças de cachorros favoritas: conheça as 11 mais procuradas

Enfim, gostou da matéria? Acompanhe mais em nossas redes sociais e compartilhe.

Looks like you have blocked notifications!

-- Continuar depois da publicidade --

Comments
Loading...