Grécia: Fundador da Hellenic Coin Desaparece

O homem que estava no comando da empresa que lançou a primeira criptomoeda da Grécia supostamente fez o preço da moeda cair quando ele desapareceu neste mês.

0

Hoje 29 de novembro, a Folha Go traz para seus leitores novidades sobre o mundo das criptomoedas, dessa vez, as informações vêm da Grécia.

O executivo que lançou a primeira criptomoeda da Grécia desapareceu por duas semanas e depois finalmente, falou que voltaria em breve.

Ele também rejeitou as acusações de que ele quebrou o mercado da criptografia.

Vangelis Tsapas, o então executivo, criou a primeira criptomoeda da Grécia, a Hellenic Coin (HNC) e também patrocina um time de basquete na Grécia.

Você pode gostar: Índia: Primeiro Ministro Fala de Criptomoedas

Moeda Despenca e Irrita Investidores da Grécia

Investidores da Grécia se irritaram com o desaparecimento de Vangelis, no início de novembro,  pois o preço da Hellenic Coin, despencou quando ele ficou indisponível.

A criptomoeda foi de $1,20 em 8 de novembro para menos de $0,34 no momento em que este artigo foi escrito. Isso após atingir seu maior recorde de $4,84 em 14 de junho de 2021.

Especulações surgiram de que Tsapas havia vendido seu estoque do HNC causando a queda, uma acusação que ele negou.

Antes da recente demissão, o empresário foi o CEO da HNC Revolution, que gerencia a moeda lançada em 2015 por desenvolvedores e especialistas.

A moeda se concebeu como um veículo de investimento e um instrumento de pagamento destinado a facilitar as transações digitais para a indústria do turismo grego e, desde então, pessoas de todo o mundo compraram a moeda.

Enquanto ele levantava preocupações entre os investidores da criptomoeda HNC, seu desaparecimento alarmou jogadores e outros funcionários da Ionikos Nikaias B.C. também, já que apoia o clube financeiramente.

Tsapas, que também está envolvido no fornecimento de alimentos e remessas, também irritou o primeiro-ministro do Qatar quando sua empresa foi contratada para administrar o super iate de Khalid bin Khalifa bin Abdulaziz Al Thani, o então Al Mirqab, não pagou seus salários à tripulação.

Veja também: Criptomoedas: golpes com Bitcoin aumentam na Argentina

Executivo Nega Acusações

imagem usada para ilustrar acusações ao executivo da grécia
imagem usada para ilustrar acusações ao executivo da grécia

Apesar da criptomoeda da Grécia, claramente começar a perder valor depois que Tsapas parou de atender seu telefone, ele recentemente rejeitou as acusações de ter causado a queda da venda da criptomoeda.

No jornal Thema esta semana, o empresário insistiu que, na verdade, deu a criptografia helênica de graça, culpou seus associados pelo “barulho” e anunciou que em breve retornará às suas obrigações.

Sendo assim, ele alegou que os relatos da mídia foram os responsáveis pela queda do preço, ele insistiu que sua ausência não desempenhou nenhum papel.

Afinal, o que você acredita que realmente causou a queda da Hellenic Coin? Deixe nos comentários.

Saiba mais: Criptomoedas e blockchain chegam aos jogos on-line

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.