Orquídea: aprenda a melhor forma de cuidar dessas flores delicadas e lindas

Confira a melhor forma de cuidar das suas orquídeas

Foto do revisor (Vinícius Lima Ribeiro Barbosa)
Revisado por: (Vinícius Lima Ribeiro Barbosa)
Anúncio
Baixe nosso aplicativo GOOD NEWS e desfrute do melhor conteúdo da internet!




A orquídea é uma das flores mais bonitas e utilizadas na decoração da casa, elas merecem cuidados especiais para florescer. Então nesta quarta-feira, dia 05 de janeiro, nós vamos te ensinar como cuidar da sua orquídea da melhor forma para que ela fique ainda mais linda.

Continua depois da publicidade

Essa flor é bastante delicada, mas o principal ponto para mantê-la sempre bonita e saudável é a observação. Mas não se preocupe! Nós do Decor e Dicas vamos te ensinar a cuidar da sua orquídea da forma certa, deixando ela ainda mais linda.

Continua depois da publicidade

Tente recriar o ambiente natural da orquídea

Em seu ambiente natural, dentro da mata, as orquídeas costumam ficar apoiadas nas árvores, debaixo de folhas e galhos para garantir menos luminosidade. Elas também crescem em locais mais úmidos e retiram a água que precisam da umidade do ar. Por conta disso, procure colocar a sua orquídea em local arejado, úmido, mas sem tanta luminosidade, criando um ambiente propício para que ela cresça com saúde.

Utilize vasos de barro ao invés do plástico

As orquídeas gostam de umidade, mas não em excesso. Aliás, é a grande quantidade de água uma das causas mais frequentes de sua morte. Por isso, o vaso de barro é mais propício para o seu plantio já que absorve melhor o líquido. Ao colocar a orquídea em um vaso de plástico, a água pode ficar acumulada e se você não perceber, ela morre.

Veja mais: Rosa: aprenda dicas incríveis para cuidar melhor da sua flor

Cuidado na hora de regar a sua planta

Apesar de gostar da umidade, é preciso ter cuidado na hora de regar a sua orquídea. No verão, de duas a três vezes por semana será o suficiente, enquanto no inverno a dica é de uma a duas vezes.

Nos dias mais quentes, você ainda pode jogar água no chão e deixar que o vapor umedeça o ar, garantindo a quantidade necessária de água para a orquídea. Uma maneira prática de saber se ela está precisando de mais líquido é verificar com o dedo indicador o quão seca está a terra dentro do vaso para saber se será necessário regar.

Evite a grande exposição ao sol

Como já abordamos anteriormente, a orquídea gosta de pouca luminosidade. Por isso, coloque o vaso em um local onde não bata tanto sol. A preferência é que fique em um lugar mais distante de janelas e portas balcão. Se não tiver jeito de afastar a planta da luz solar, tente vedar essa iluminação ao máximo fazendo uma sombra com algum objeto, uma cortina talvez. Para saber se sua orquídea está recebendo muita luz fique de olho nas folhas, pois elas apresentarão uma coloração amarelada.

Confira aqui: Horta: aprenda 14 dicas infalíveis para evitar pragas e doenças na sua

Nada de exagerar no adubo

A orquídea exige alguns nutrientes, mas assim como a água, eles não devem ser absorvidos em grande quantidade para não matar a planta. Em uma loja especializada, procure conversar com os vendedores para saber quais os produtos mais adequados.

Em casa, dissolva o adubo em água e vá borrifando a terra com essa mistura aos poucos. Outra dica é colocar o produto no canto do vaso para que, a cada nova irrigação, ele possa se espalhar por todo recipiente. Para que a planta absorva o adubo com mais eficiência, pulverize a orquídea com água uns 15 minutos antes de aplicar a mistura.

Os vasos devem estar distantes uns dos outros

Os vasos de planta devem ficar, pelo menos, cerca de 20 centímetros de distância uns dos outros. Isso pode evitar que uma espécie doente contamine a outra. No caso de pulgões ou cochonilhas aparecerem, use sabão de coco e uma escova para esfregar as folhas.

Materiais para manuseio das plantas devem estar sempre limpos

Para evitar doenças é importante que as tesouras ou facas usadas para o corte de folhas e pequenos galhos estejam esterilizadas. Para tanto, depois de lavar o material é importante que ele ainda passe por um enxágue de água fervente. Aplicar um pouco de canela em pó nas folhas e caule cortados também pode ajudar na cicatrização das plantas.

Jardinagem exige carinho e atenção. Portanto coloque todas essas dicas em prática e tenha em casa flores sempre bonitas e saudáveis.

Você também pode se interessar: Moscas: aprenda 7 receitas caseiras para dar o fim nesses insetos

Por fim esperamos muito que você tenha gostado. Para mais dicas, receitas e passo a passo, fique conosco para os próximos posts.

Carregando comentários aguarde...
...
...