Content for id "histats" Goes Here

Gabriel Medina e Yasmin Brunet são criticados na web

Casal tem sido alvo de críticas nas últimas semanas devido às polêmicas com o COB

Gabriel Medina e Yasmin Brunet (Foto: Reprodução/Instagram)
0

A internet tem criticado o casal Gabriel Medina e Yasmin Brunet sobre as últimas confusões do surfista com o Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Ao embarcar para Tóquio, na madrugada deste domingo (18), ele voltou a criticar o veto do COB para levar a sua esposa.

ID do canal inválida ou não há videos.

É chato, não estou indo 100%. É ela quem me dá força. Gosto de estar junto dela”, admitiu o surfista ao UOL Esporte. Os internautas reagiram de forma negativa ao casal. Após todas as polêmicas, a web opinou sobre a confusão deles com o COB. Já esposa, que estava com ele, discordou do amado. ”Ele vai estar 100% com certeza absoluta. É o melhor ano dele, ele nunca teve um início de ano tão bom. Tudo está dando certo para ele conseguir esse ouro e para ele ser tricampeão esse ano.

”Medo de ir no banheiro de madrugada e encontrar os dois falando disso”, disse uma internauta se referindo à insistência sobre o assunto do veto. ”Gente é uma dependência tão grande que chega a ser assustador, sério”, opinou uma segunda. ”Meu pai eterno. Ele não sabe separar as coisas, não?”, criticou uma terceira. ”Para as Olimpíadas ele não consegue ir sem ela, agora para as farras com Neymar ele consegue né?”, disse um outro.

Entenda a treta entre COB e Gabriel Medina

Em junho, o COB vetou Yasmin de integrar o grupo oficial técnico do surfe nas Olimpíadas de Tóquio. A a Confederação Brasileira de Surfe decidiu que cada participante escolhesse uma pessoa para ser credenciada. Medina então escolheu seu técnico Andy King e Yasmin. Contudo, devido ao decreto de medidas de segurança por conta da pandemia, o atleta só pode escolher uma pessoa.

O surfista até tentou descredenciar seu técnico e credenciar a esposa, mas o COB negou, dizendo que apenas profissionais que tenham ligação com a modalidade poderiam ser credenciadas. Nas últimas semanas, tanto Medina quanto a modelo criticaram o comitê.

Opinião da redatora

Medina e Yasmin podem até ter razão quanto à injustiça no credenciamento, visto que com outros atletas não tiveram essa rigidez. Porém, o sufista precisa ser além de tudo profissional. Ele estará em Tóquio representando o Brasil e não somente a sua esposa.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceito Mais informações