Content for id "histats" Goes Here

Paolla Oliveira se manifesta sobre a violência contra a mulher

Paolla se manifesta após um vídeo circular nas redes sociais

Paolla Oliveira. Reprodução do Instagram
0

Paolla Oliveira publicou, em suas redes sociais, na tarde desta segunda-feira (12), uma mensagem falando sobre as imagens que circulam na internet em que uma mulher aparece sendo espancada pelo ex-companheiro. Na postagem, ela diz sobre o crime e pede por justiça e recebe todo o apoio da web.

ID do canal inválida ou não há videos.

É um absurdo e revoltante notarmos que coisas assim ainda aconteçam. Não podemos deixar que isso passe impune e que quem cometeu o crime fique ileso. Foi o que expressou Paolla Oliveira ao dizer, com suas palavras, a seguinte frase:

“Não é possível ver as imagens que circulam por aí onde uma mulher é espancada pelo ex-companheiro, na frente de sua filha recém-nascida e de funcionários e achar normal, coisa de casal. Coisa de casal é amor, é companheirismo, é cumplicidade, violência é coisa de criminoso que deve ser responsabilizado por isso. Os vídeos estão aí, as marcas físicas e psicológicas dessa mulher estão aí, então que se faça justiça. A ela e a TODAS que passam ou passaram por qualquer tipo de violência doméstica. Absurdo, revoltante e infelizmente, comum. Denuncie a violência doméstica contra a mulher no 180.”, legendou Paolla Oliveira.

Web apoia causa junto à Paolla Oliveira

Muitas mensagens de apoio e incentivo foram deixadas na publicação de Paolla Oliveira. Dentre todas as mensagens que ela recebeu, algumas que chamaram a atenção, sobretudo por dar ênfase a questão da violência contra a mulher, foram:

“Denunciar sim concordo homem que bate em mulher é covarde.”, comentou um seguidor. “Lugar de agressor é na cadeia ou cemitério.”, disse ainda uma segunda seguidora. “Verdade, revoltante, chega doer na alma.”, expressou uma terceira. Além de muitos outros comentários que foram deixados na publicação de Paolla Oliveira.

A violência contra a mulher

Não é possível que em pleno século XXI ainda existam muitos casos de violência contra a mulher. Isso, infelizmente, sempre nos acompanhou e, graças a várias campanhas e iniciativas, tem diminuído muito. É muito triste nos depararmos com casos como esse, mostrando que as pessoas ainda precisam amadurecer muito para não serem capazes de tomar atitudes como essas de agredir uma mulher.

É mais uma notícia que mostra que as mulheres precisam de nosso apoio e, no que depender do público da internet, a união irá continuar em busca de toda a força necessária para que mais mulheres não venham a sofrer absurdos como esses.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceito Mais informações