Investimento na bolsa de valores: saiba como funciona e onde investir

Conheça um pouco mais sobre como funciona o investimento e formas de fazer parte dele!

Já pensou em realizar um investimento na bolsa de valores, mas não tem ideia de como isso funciona? Não há com o que se preocupar! Nesta data (28/10), aqui no Guia do Ex-Negativado,  vamos te mostrar as principais informações sobre esse assunto.

Investimento na bolsa de valores: O que é?

A Bolsa de Valores é o principal meio de negociação para ações de organizações do tipo Sociedade Anônima (S.A) com capital aberto. Isso significa que cada ação à venda equivale a um percentual do patrimônio.

Dessa forma, quem investe nesse tipo de produto está se tornando um sócio da corporação através da compra de uma parcela de participação. Essa aplicação é registrada em papéis que ficam sob o domínio da instituição conhecida como Bolsa de Valores.

Quais os benefícios

Fazendo esse tipo de investimento, você consegue desfrutar de benefícios como o direito de votar em assembleias e o recolhimento de dividendos, conforme a ação que comprar. No entanto, muitas pessoas compram ações na bolsa para adquirir lucros com a venda dos papéis e, consequentemente, aumentar seu patrimônio e alcançar objetivos financeiros.

Veja também: Qual é o melhor aplicativo de investimento? Veja 7 opções confiáveis

Como funciona

Investimento na bolsa de valores
Investimento na bolsa de valores – Imagem: Pixabay

Antes de investir na bolsa de valores, você possui duas responsabilidades fundamentais para que o processo funcione:

  • Conhecer e compreender o seu perfil investidor;
  • Sempre buscar conhecimento sobre o assunto.

Atuar no espaço de renda variável é ideal para investidores que possuem um perfil mais arrojado, ainda que a tolerância moderada ao risco também seja indicada.

Buscar novos conhecimentos sobre o assunto é essencial para que obtenha-se sucesso dentro desse campo. Isso também inclui saber lidar com a volatilidade e oscilações da bolsa, podendo evitar tomar decisões ruins conforme a cotação de momento.

Cadastrar-se em uma corretora

Para começar os investimentos na bolsa, você deve ter um cadastro em uma corretora, que abre contas para os investidores na bolsa de valores. Os preços mínimos para abrir esse cadastro são variáveis e mudam conforme as normas de cada empresa.

Pode-se comprar ações de três maneiras: clubes de investimentos, fundos de investimento ou individualmente. Obviamente, ter um planejamento eficaz e fazer muitas pesquisas é fundamental para ter sucesso.

Veja também: Entenda agora como funciona o investimento em CDB

Educação financeira: descubra INVESTIMENTOS FÁCEIS A PARTIR DE R$50

O Guia do Ex-Negativado não tem ligação com bancos ou qualquer outra instituição financeira do mercado. Nosso objetivo neste espaço é o de, unicamente, levar aos nossos leitores informações confiáveis no contexto da relação humana com o dinheiro e da cidadania. Em sendo assim, tópicos como finanças pessoais, oportunidades de mercado, direitos e deveres do consumidor estarão presentes permeando nosso conteúdo. Acreditamos que seja sim possível ajudar no processo de desenvolvimento da educação financeira, e, por conseguinte, na construção de um espírito crítico do cidadão. No entanto, vale também a ressalva, de que nada publicado neste Blog constitui em uma recomendação pessoal de investimento. Caberá, desse modo, a quem deseja investir, tomar suas próprias decisões em relação às estratégias financeiras a serem adotadas em sua vida pessoal e profissional. Dúvidas ou sugestões? Entre em contato conosco: E-mail: contato@guiadoexnegativado.com.br Telefone: (31) 3500-2894
Comentários
Loading...