Anúncio

10 plantas perigosas para pets: veja quais são e evite acidentes

Deixando seu espaço menos perigoso

Anúncio


Continua depois da publicidade

Às vezes buscamos plantas para decorar nossas casas e jardim e esquecemos de um pequeno detalhe: Algumas dessas são plantas perigosas para pets e que se ingeridas ou mastigadas podem causar uma série de problemas de saúde. Hoje, 24 de janeiro de 2022, o Blog Horta, Jardim & Cia do Folha Go, te apresenta 10 plantas perigosas para pets.

Continua depois da publicidade

Conheça 10 plantas perigosas para pets

Quem tem animais de estimação em casa sabe como esses podem ser extremamente curiosos. Embora alguns acreditem que os animais conseguem diferenciar as plantas que são ou não próprias para o consumo. Isso acaba não sendo verdade quando nos deparamos com pets curiosos que só querem brincar e atacam a primeira planta que virem em sua frente.

Continua depois da publicidade

Leia a seguir: Como cultivar sementes de mexerica: confira as dicas que realmente funcionam

Quais são as 10 plantas perigosas para pets mais comuns?

10 Plantas perigosas para pets - Reprodução Canva Pró
10 Plantas perigosas para pets – Reprodução Canva Pró

A variedade de plantas perigosas para animais é bem extensa, ademais muitas delas são plantas que costumamos dar e receber de presentes por serem muito bonitas. Conheça agora 10 plantas perigosas para os pets.

  • Lírio da paz;
  • Azaleia;
  • Samambaia;
  • Bico de papagaio;
  • Espada de São Jorge;
  • Comigo-ninguém-pode;
  • Copo de leite;
  • Espirradeira;
  • Violeta;
  • Hibisco.

O simples ato de entrar em contato com algumas dessas plantas pode causar sérios problemas de saúde no animal. Isso quando elas não são mastigadas e comidas, o que deixa tudo mais perigoso. Portanto, é de responsabilidade do dono do animalzinho se precaver para evitar possíveis complicações médicas.

Como saber se meu pet consumiu alguma dessas plantas?

Caso esteja com dúvidas se seu pet consumiu alguma planta perigosa para ele, portanto, fique de olho nos sinais que ele apresenta: Vômito constante, irregularidade no tempo de urina, febre e pele seca são alguns dos sinais mais comuns de um animalzinho doente.

Meu animal está doente, o que fazer?

Se você notar algum sinal que seu animal está doente e pode ter consumido uma dessas plantas, a primeira coisa que você deve fazer é levá-lo ao veterinário o quanto antes. O diagnóstico pode variar muito dependendo da planta consumida. Mas nos casos mais graves pode ser necessário a aplicação de um soro para que o organismo do pet possa retirar aquela substância com mais rapidez.

Tomando as devidas precauções

Se você tem alguma dessas plantas em casa você deve deixá-la em um local de difícil acesso para o seu pet, como acima de estantes ou até mesmo fora de casa. Entretanto, outra opção é limitar o acesso do animal ao jardim se for o seu caso.

Dica extra: Cuidado com os parques!

Quando estiver passeando ou brincando com o seu animal em um parque ou outro ambiente público tome cuidado para que ele não consuma nenhum alimento ou planta perigosos para a sua saúde, esses locais muitas vezes são responsáveis por expor o animalzinho ao perigo.

Leia a seguir: Como escolher abacaxi e depois plantar a coroa? Descubra agora mesmo

Os melhores ADUBOS CASEIROS para manter suas PLANTAS LINDAS e SAUDÁVEIS

Os adubos são fundamentais para manter o solo enriquecido de nutrientes para as nossas plantinhas.

Os orgânicos são ainda mais importantes, pois possuem altas concentrações de ingredientes que permitem o crescimento saudável.

E hoje, aqui no News Cotidiano, vamos te ensinar a fazer os melhores e mais fáceis adubos caseiros!

Carregando comentários aguarde...
...
...