Anúncio

Como cultivar romã no vaso: anti-inflamatório, antisséptico e antioxidante, aproveite todos os seus benefícios

Aproveite os benefícios desta fruta magnífica, sendo in natura ou seca

Anúncio


Descubra agora, como cultivar romã no vaso, planta de origem grega que se espalhou por todo o oriente médio. Além de seu sabor, é símbolo de fertilidade! Então, hoje, terça-feira (09/11), o Horta, Jardim & Cia do Folha Go, te mostra como cultivá-la.

Continua depois da publicidade

Confira também: Como atrair minhocas para o canteiro? Veja dicas para melhorar a adubação das suas plantas

Saiba agora como cultivar romã no vaso

A cova para o plantio da romã deve possuir uma profundidade entre 40 e 60 cm, devendo utilizar um vaso adequado para isso. Podem ser considerados vasos de 70 a 80 cm, de material cerâmico ou de cimento, por conta de sua porosidade, gerando maior drenagem de água. Portanto, se utilizar de plástico, as regas deverão ser diminuídas, pois não há drenagem.

Continua depois da publicidade

Evite plantar mais de 03 sementes por vaso, e, quando germinarem, escolha a que estiver mais forte, retirando as outras. Caso as 03 possam ser utilizadas, replante em outros vasos.

Leia também: Como cultivar pimenta dedo de moça: métodos e dicas para o melhor cultivo

Substrato e adubação da romã no vaso

Saiba como cultivar romã no vaso - Reprodução Canva Pró
Saiba como cultivar romã no vaso – Reprodução Canva Pró

A terra ideal para precisa ter muita matéria orgânica, podendo utilizar uma mistura de terra vegetal comum e com composto orgânico. Deve-se adubar a cada três meses, fortalecendo sua frutificação.

Continua depois da publicidade

Por ano, é indicado que se adube novamente a terra, com compostos que possuam alto índice de enxofre, boro, cálcio e magnésio, como torta de mamona, cinza de fogueira, farinha de osso e húmus de minhoca, sempre quando a romãzeira florir.

Lugar em que a romã no vaso deve permanecer e rega ideal

Procure locais em que a romã recebe sol, pelo menos, 04 horas ao dia, ademais, não exponha ao frio, pois pode prejudicar seu crescimento e frutificação. Entretanto, ela precisa de água, contudo, não encharque o solo pois isso pode prejudicar a planta.

Por isso, uma boa drenagem é essencial, entretanto, regue abundantemente a planta, sempre observando se há presença de fungos, pois, o aparecimento destes pode matar a planta, se não tratado em tempo.

Por isso não deixe umidade excessiva no tronco e nas raízes, pois isso vai evitar o aparecimento de fungos.

Melhor período para plantio

O Brasil possui clima tropical, portanto, podemos plantar a romã em qualquer época do ano. Contudo, prioritariamente, procure plantar fazer o plantio no início da primavera, início do mês de setembro.

Cuidados com a romã

Para melhor floração, procure deixar o solo mais seco durante o período da primavera, entretanto, usar um pouco de areia na terra evita o aparecimento de fungos.

Ademais, não adube na época de flores, isso pode prejudicar o desenvolvimento da romã. De preferência, ao adubo anual que, entretanto, deve ser feito no mês de outono.

Veja a seguir: Como cultivar cebolinha no vaso: tenha o seu próprio tempero sempre à disposição! Confira dicas

Dúvidas no preparo do adubo orgânico?! Herborista tem dicas sobre o tema e sobre cuidado com plantas

Carregando comentários aguarde...
...
...