Como saber a raça do cachorro? Por essa você não esperava, vem descobrir agora

Separamos para você, umas dicas de como acabar essa dúvida

Anúncio
Baixe nosso aplicativo GOOD NEWS e desfrute do melhor conteúdo da internet!




O que você vai saber!

Continua depois da publicidade

Como saber a raça do cachorro? Para você que gostaria de saber a raça é o seu cachorro, caso tenha ou não contato com os pais do cão ou qualquer outro motivo, hoje  (09/11) na coluna My Pet da Folha GO, separamos para você, umas dicas de como acabar essa dúvida. E fique até o final, é garantia que sua dúvida acaba aqui!

É importante ressaltar, logo de cara, que o nosso doguinho sempre será o nosso companheiro, independentemente da raça dele, sendo vira-lata ou não, o que ele quer é estar sempre do nosso lado pra qualquer situação. Então, vamos lá.

Leia mais: Como organizar uma festa para pets? Faça desse evento uma data inesquecível

Como saber a raça do cachorro? Por essa resposta você não esperava, vem descobrir! Foto: Freepick

Dicas de como saber a raça do cachorro

1. Pedigree

Há muito o que abordar sobre esse assunto. Primeiro, se o teu pet foi comprado e sua intenção era pegar um cão de raça, ele necessita ter o Pedigree (e não, não estamos falando da marca de ração, é claro). O Pedrigree é um documento que comprova a raça do cachorro, como se fosse uma certidão de nascimento do seu animal de estimação.

Notícias relacionadas

Qual é o melhor cachorro para criar em sítio?…

Continua depois da publicidade

Shih-tzu ou Pug? Saiba quanto custa manter um…

Continua depois da publicidade

Se o vendedor recusou a te fornecer ou disse que com Pedigree sairia muito mais caro, então temos que dizer que você foi enganado. Pois há uma tabela de preços dependendo da raça, mas é sempre algo perto dos R$ 100,00. Muitos vendedores enganam compradores sobre raça mencionando preços exorbitantes para realizar a emissão do documento. FIQUEM LONGE DISSO!

2. Veterinário: competente para saber a raça do cachorro

Ainda podemos mencionar sobre o Pedrigree nesse tópico, até por quê, o veterinário é um das pessoas que pode fornecer o documento para você. E só aceite emissão pela CBKC, empresa séria e responsável pelas raças dos pets. Mas, o importante destacar aqui é o conhecimento dele e o quanto isso pode te auxiliar nesse momento de dúvida (sem precisar solicitar o documento).

Vale destacar também que um pouco de paciência da sua parte é necessária se o seu companheiro for um filhote, pois é até mesmo para os profissionais pode ser um pouco difícil identificar, pelos filhotes vira-latas possuírem características parecidas com cães de raça. Não é certo da confusão dos profissionais estar presente, mas é bom deixar isso claro dependendo da idade do seu doguinho.

3. Onde mais?

Mas se você não tem como ter acesso a esses recursos de pronto, então tome nota. Observe as características do pet, como traços físicos. Entre eles,  peso, altura, pelagem, formato da orelha e da cabeça, por exemplo. Outrossim, como ele se comporta, ou seja se é dócil ou agitado, obediente ou não, extrovertido ou mais reservado. Todo esse conjunto de informações podem te ajudar na pesquisa. Use a internet  que é uma ferramenta rica hoje em dia.

Leia mais: 5 Dicas super práticas para banho do cachorro em apartamento sem aquela sem dor de cabeça

Confira: Gatos engraçados, cheios de charme e espertos. Veja que fofos!

Carregando comentários aguarde...
...
...