Narval: peixe ou unicórnio do mar? Desvende agora esse enigma

Conheça agora o narval, um peixe exótico e muito interessante

Você já ouviu falar no unicórnio do mar? O narval, na verdade, se trata de um peixe exótico, entretanto, muitos o chamam de unicórnio do mar, dado a sua aparência e a dificuldade de encontrá-lo. Hoje 20/02, no Blog pets da folha Go, você vai conhecer mais sobre esse animal e descobrir como vive.

Leia também: Gatos famosos que fizeram história: 5 felinos fofos do cinema para ver agora

narval
Conheça agora o animal exótico conhecido como narval (Fonte: mar sem fim)

Conheça melhor o narval

O narval possui uma aparência física bem exótica e as pessoas o assemelha com os unicórnios, uma vez que, ele possui uma presa bem característico sobre sua cabeça e é bem raro de encontrar.

Alguns dizem que ao olhar esse animal se lembram de histórias mitológicas, entretanto, ele é real, vive na água fria do oceano e faz parte da família de baleias.

peixe unicórnio
Descubra a seguir algumas características do peixe narval (Fonte: Top biologia)

Características físicas do narval

Como mencionamos anteriormente, o narval faz parte da família das baleias, com isso, pode-se imaginar que ele é um animal grande e presado.

Contudo, existem algumas diferenças entre os machos e as fêmeas. Dado que, as fêmeas medem quatro metros de comprimento e pesam mil quilos. Enquanto, o macho pesa mil e seiscentos quilos e mede quatro metros e meio.

Além disso, o narval macho possui sobre sua cabeça uma presa que se assemelha a um chifre em sua cabeça e as fêmeas não desenvolvem essa mesma presa.

Leia também: Como cuidar de gatos filhotes: confira 3 dicas super interessantes

narval
Descubra algumas características comportamentais do narval (Fonte: igui ecologia)

 

Características comportamentais do narval

Esse animal atinge grandes profundidade no mar, dado que, atinge até 800 metros em busca de seu alimento.

Além disso, eles costumam viver em pequenos grupos no inverno e no verão mudam de local e ficam em grupos bem maiores, com até cem integrantes.

Assim também, eles são animais que emitem muitos ruídos, por ser da família de baleias; e durante um período acreditava-se que esses animais se comunicavam através da eco localização, entretanto, eles fazem ruídos e emitem diversos sons.

Alimentação dos narvais

Esses animais possuem um jeito muito diferente de caçar seus alimentos, uma vez que, eles emitem sons de pulsos rápidos, a fim de localizar seu alimento.

Além disso, eles são carnívoros e sua dieta é baseada em lula e bacalhau, e por possuir uma dieta muito restrita eles permanecem diversos dias sem consumir nenhum alimento.

Reprodução da espécie

O período de gestação da fêmea é bem longo, levando 15 meses até dar à luz ao filhote.

Entretanto, os filhotes já nascem bem grandes e pesando cerca de oitenta quilos e com mais de um metro e meio de comprimento.

Os filhotes são amamentados pelas fêmeas por até doze meses ou mais e depois começam a se alimentar do bacalhau e das lulas.

Outro fator interessante é que as fêmeas já estão prontas para a reprodução desde os seus sete anos e os machos apenas após completarem nove anos.

Veja agora: Ataque de Cachorro Pitbull: como cuidar e evitar agressões das pessoas

Por fim, gostou dessa matéria? Acompanhe mais em nossas redes sociais e compartilhe: FacebookInstagramTwitter e Pinterest.

Para obter mais conteúdos siga o Folha Go no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.