Diabetes em gatos: entenda os riscos da doença nos felinos

Saiba agora mesmo tudo sobre a diabetes em gatos e quais são os principais riscos que essa doença traz para seu gatinho e o proteja

Assim como nós, os animais também podem sofrer de algumas doenças crônicas. Dessa forma, conhecer sobre os riscos e como podemos prevenir determinadas doenças se torna essencial. Portanto, hoje (23/03) aqui no Blog Pets go Folha Go vamos falar sobre a Diabetes em gatos, uma doença muito presente e séria.

Diabetes em gatos entenda os riscos da doença nos felinos
Diabetes em gatos: entenda os riscos da doença nos felinos – Imagem: Divulgação freepik

Leia também: Curiosidade sobre gatos: veja fatos incríveis que você precisa saber agora

Diabetes em gatos: entenda os riscos da doença nos felinos

Na atualidade as doenças relacionadas ao estilo de vida, tanto de pessoas como dos animais de estimação vem crescendo.

Uma das doenças que mais preocupa as pessoas é a diabetes, que pode atingir muitos animais, inclusive os gatos. Sendo que os sintomas da doença são os mesmos presentes nos seres humanos. É o que mostra um estudo sobre o assunto e vamos te mostrar detalhes de como reconhecer se seu pet está desenvolvendo a doença.

Portanto, conhecer sobre a doença faz com que os tutores de gatos reconheçam o quanto antes os sinais e busquem ajuda veterinária para o tratamento correto.

O que é a Diabetes em gatos?

A diabetes é uma doença crônica que afeta a produção de insulina pelo pâncreas no organismo. Este hormônio é responsável por transformar a glicose presente no sangue em energia para o animal realizar suas atividades normais. Desse modo, a glicose acaba se acumulando no sangue e gera muitos problemas para o gatinho.

As principais causa para o gato desenvolver diabetes são obesidade, genética (gatos da raça Birmanês são mais afetados), idade avançada, sedentarismo e má alimentação. É importante lembrar que a diabetes felina ocorre principalmente em gatos idosos, no entanto, com a mudança dos hábitos alimentares dos felinos e o sedentarismo, muitos gatos obesos acabam desenvolvendo a doença mais cedo.

Assim como em humanos, existe dois tipo de diabetes em gatos. A tipo I que ocorre quando o pâncreas para de produzir a insulina devido a destruição das células, e o tipo II em que a produção de insulina é insuficiente. Nos felinos, o tipo II é mais comum, no entanto o tipo I vem crescendo de forma a preocupar. Sendo assim, como identificar se seu gatinho pode ter diabetes?

Sintomas de Diabetes em gatos

Os principais sintomas que seu gato pode ter diabetes são:

  • beber água mais que o normal;
  • comer em excesso;
  • perda de peso progressiva;
  • pelos com má aparência;
  • vômitos;
  • fazer muito xixi;
  • letargia, ou seja, cansaço em excesso e dormindo muito.

Todavia, alguns gatos não mostra todos os sintomas, e portanto, você deve ficar atento caso seu gatinho fique mais quieto e já não brinque como antes. O tutor deve procurar o mais rápido possível o médico veterinário. Dessa forma, a realização de exames de sangue e urina, junto com a avaliação veterinária pode dizer se seu gato tem diabetes.

Como é feito o tratamento?

Diabetes em gatos entenda os riscos da doença nos felinos
Diabetes em gatos: entenda os riscos da doença nos felinos – Imagem: Divulgação vix.com

Veja também: Meu gato comeu um rato! E agora o que eu faço?

Após o médico veterinário confirmar a doença no gato, o tratamento se baseia na redução da glicose no sangue do gatinho. Dessa forma, dependendo do estagio da doença, o veterinário indicará ou não a aplicação da insulina ou medicamentos orais. Em geral o animal com o tipo I da doença vai precisar da injeção de insulina diariamente.

No entanto, outros cuidados como mudança na dieta e atividades físicas regulares devem está na lista do tratamento.

Sendo assim, caso seu gato apresente alguns dos sintomas procure o veterinário e lembre-se quanto antes o animal for tratado melhor será a qualidade de vida dele e, certamente viverá mais feliz ao seu lado.

Portanto, assim como nós, nossos gatinhos, necessitam de muitos cuidados e carinho. A diabetes em gatos é uma doença séria que exige orientação médica e cuidado por toda a vida do animal.

Confira também: Gata no cio: descubra como identificar e qual o intervalo entre os cios

Para obter mais conteúdos siga o Folha Go no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.