Vai ter auxílio emergencial em fevereiro? Entenda aqui agora

Possível retorno do benefício ainda causa dúvidas e expectativas

Vai ter auxílio emergencial em fevereiro? Essa é a dúvida de milhões de beneficiários que têm esperança de que o benefício ainda vai ter sua volta confirmada neste mês. Mas, será que é possível de acontecer? Confira hoje (05/02).

Criado em 2020 para auxiliar famílias de baixa renda durante o período de pandemia de Coronavírus, o benefício foi mantido por nove parcelas ao longo do ano passado e foi finalizado em dezembro.

Internamente e até externamente, a posição do governo na época era de que o auxílio emergencial seria inviável para o orçamento do país em 2021 e que a economia precisa voltar a funcionar. Com isso em vista, o mês de janeiro passou e nenhuma nova possibilidade sobre o retorno do benefício foi divulgada.

Vai ter auxílio emergencial em fevereiro? Entenda aqui o assunto
Vai ter auxílio emergencial em fevereiro? Entenda aqui o assunto (Foto: Ministério da Cidadania)

Leia também: Auxílio emergencial consecutivo: entenda o projeto que cobra benefício até junho

Com a chegada de um novo mês, as expectativas voltaram a subir. Através de uma análise feita no buscador mais popular da Internet, o Google, é possível verificar que é grande o número de pessoas que buscam informações sobre a possível voltar do auxílio emergencial em fevereiro.

Mas será que, de fato, vai acontecer? Continue lendo e veja o que existe de concreto até este momento.

Afinal, vai ter auxílio emergencial em fevereiro?

A resposta ainda é inconclusiva, pois, quando se trata de um assunto que gera interesse dos mais de 67 milhões de brasileiros que receberam o auxílio em 2020, existe sempre a possibilidade de uma reviravolta no Planalto e no Congresso Nacional.

Isso porque, desde que a Medida Provisória nº 1.000/20 foi editada, em setembro, reduzindo o valor do benefício para R$ 300, o governo vem sofrendo pressão de parlamentares opositores no Congresso para voltar a pagar R$ 600.

Com o fim do programa, no mês de dezembro, a pressão passou a ser para o retorno do benefício em 2021. Desde então, são vários os Projetos de Lei na Câmara e no Senado que pedem a prorrogação do auxílio emergencial.

Apesar de não haver uma palavra oficial conclusiva sobre o assunto, até este momento, é possível afirmar que a chance de haver auxílio emergencial em fevereiro é pequena.

Existe chance apenas pelo fato de o auxílio estar amparado pela Constituição e, assim, ser uma possibilidade real que pode ser tomada pelo governo a qualquer momento.

Depende, no entanto, do próprio governo de Jair Bolsonaro (presidente da República, sem partido) e de sua equipe econômica, capitaneada pelo ministro Paulo Guedes, aceitarem o retorno dos pagamentos diante do orçamento do país para 2021.

Leia também sobre: Contestação do auxílio emergencial em 2021 gera dúvidas a cidadãos

Mudanças nas presidências da Câmara e do Senado são vistas com expectativa

O presidente da Câmara dos Deputados e o presidente do Senado Federal são os representantes eleitos em votação aberta pelos parlamentares de cada uma das duas casas do Congresso. E são eles os responsáveis por pautarem os projetos.

Com a chegada de Arthur Lira (PP-AL) à presidência da Câmara e a de Rodrigo Pacheco (DEM-MG) à presidência do Senado, há expectativa de que possa, finalmente, haver alteração no status de algum dos projetos que pedem a prorrogação do auxílio emergencial.

Atualmente, todos os projetos estão entregues à Mesa Diretora de cada uma das suas casas parlamentares, mas ainda sem nenhum andamento.

Dessa forma, leia mais: O que Arthur Lira pensa sobre o auxílio emergencial? Saiba aqui

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações