O banco pode reduzir o limite do cartão de crédito? Entenda o assunto

Com o tempo, você percebeu que seu limite do cartão de crédito passou a ser menor do que o contrato inicial. Veja as respostas sobre esse fato.

Banco pode diminuir limite do cartão de crédito / Foto: Canva Pro
0

O banco pode reduzir o limite do cartão de crédito ou não? Não raro surge essa dúvida em muitas pessoas. Por conta disso, nesta data (14/11), o Poder Econômico esclarece o assunto. Veja, portanto, na sequência, a razão para que isso aconteça com seu cartão.
O banco pode diminuir o limite do cartão de crédito?
Sim, o banco pode diminuir o limite do cartão de crédito. Ele pode fazer isso e, ainda, pode fazer quando bem entender.

Essa situação pode acontecer de duas maneiras: sendo um pedido do próprio cliente (para não perder o controle dos gastos, por exemplo) ou por vontade do próprio banco, que por sua vez oferece o cartão de crédito.

O que é necessário saber é que as contratações do cartão de crédito são um acordo onde as duas partes têm a liberdade de tomar decisões referentes a continuidade do negócio. Dentre elas, portanto, a redução do limite.

Veja também: Banco Digio libera limite de crédito em massa
Por qual motivo o banco reduz o limite
O banco pode diminuir o limite do cartão de crédito? O banco pode diminuir o limite do cartão de crédito? – Imagem: Pixabay

As agências financeiras reduzem o limite dos cartões como uma forma de evitar que o cliente fique endividado.

O objetivo principal, segundo eles, é ajudar na harmonia do orçamento e oferecendo maneiras de diminuição do débito para o melhor controle das despesas.

Vale ressaltar que a agência não faz isso de forma aleatória. Primeiramente, eles analisam seus clientes de tempos em tempos, observando diversas situações que podem indicar um possível endividamento, como atraso no pagamento da fatura ou pendências em outros serviços de crédito.

Cada banco possui suas próprias normas para analisar os créditos de seus clientes, ficando a critério de cada um o que eles consideram risco ou não.

Veja também: Banco digital N26 é novidade no país e rivaliza com Nubank e Banco Inter
Educação Financeira: EU TESTEI O OPEN BANKING (Vamos ver se é bom mesmo)
A ideia é que cada correntista permita que as instituições financeiras se conectem através de uma plataforma segura e gerida pelo Banco Central, fazendo com que todos os bancos vinculados ao BCB possam ter acesso aos dados fornecidos pelos clientes. Isto é, caso já tenha acumulado muitos anos em um mesmo banco poderá compartilhar essas informações com todas as outras instituições financeiras do mercado.

Assim, ganhando mais notoriedade e podendo, inclusive, receber ofertas de outros bancos sobre os serviços e produtos que são mais utilizados por cada usuário, gerando também aumento na concorrência, o que favorece aos usuários.

Veja no vídeo:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações