Abono extra BPC foi aprovado e começa a ser pago em outubro, veja

Benefício se volta às pessoas deficientes e segue algumas regras específicas, confira quais são elas

Ao final do mês de junho deste ano, o Governo Federal sancionou o abono extra BPC, ou seja, deu aprovação à criação dessa parcela. O pagamento se iniciará em outubro e poderá abarcar milhões de beneficiários, que receberão mensalmente R$ 550. Confira hoje, 29/07, como funcionará o novo benefício e quem tem direito a ele.

O que é BPC?

O BPC é o Benefício de Prestação Continuada. Ele se volta às pessoas com deficiência que não têm vínculo de emprego. Igualmente, também é pago aos idosos com mais de 65 anos que não tenham fonte de renda. Atualmente, aliás,  4,65 milhões de brasileiros recebem esse auxílio.

Deste número, 2,55 milhões correspondem aos beneficiários com deficiência. Os outros demais 2,1 milhões, então, correspondem aos idosos.

abono extra BPC
Veja como será o pagamento do abono extra do Benefício de Prestação Continuada – Foto: Reprodução/Casadaptada

O que é o abono extra BPC?

Como dito anteriormente, esse é um benefício novo, cuja aprovação ocorreu ainda em 2021. Sua existência, portanto, decorre da Lei 14176/2021. Mas como ele funciona e quem terá direito a receber a nova parcela do BPC?

Pois bem. O pagamento do abono extra se refere exclusivamente aos deficientes que recebem o BPC e que entrarem no mercado de trabalho. Isto é, ele será uma espécie de incentivo para que os cidadãos . Por isso, o objetivo dele é fomentar a busca pelo pleno emprego.

Como será o pagamento do abono extra BPC?

Em primeiro lugar, apenas pessoas deficientes podem requerer  o novo abono. Para isso, precisam preencher esses requisitos:

  • Entrar no mercado formal de emprego;
  • Ter renda familiar por integrante não superior R$ 2.200;
  • Estar recebendo o BPC, até então, ou tê-lo recebido ao menos 01 vez nos últimos 05 anos.

Quem estava recebendo o benefício ao entrar no mercado de trabalho, deixa de recebê-lo. Contudo, a partir de outubro garante o recebimento do abono extra BPC, que servirá como um adicional. Anteriormente, quem entrasse no mercado de trabalho perdia qualquer benefício do tipo.

Contudo, com a criação do novo abono extra, fomenta-se a entrada de pessoas com deficiência no mercado de trabalho e, assim, a devida inclusão. Afinal, agora é possível receber o salário junto ao adicional, o abono.

Lucro do FGTS: Desempregados também têm direito, veja quando irá receber

Os lucros do Fundo de Garantia deverão ser liberados em breve. Com isso, o saldo do FGTS dos trabalhadores irá aumentar. Veja, então, quem tem direito e quando será o pagamento.

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações