Não recebi a 3ª parcela do auxílio emergencial; saiba o que fazer

Dataprev faz análises frequentes para identificar possíveis beneficiários irregulares

Não recebi a 3ª parcela do auxílio emergencial; saiba o que fazer (Foto: Freepik.com)
0

Muitos beneficiários que estão inscritos no auxílio emergencial estão pesquisando no Google soluções fazendo a seguinte reclamação: não recebi a 3ª parcela. Por que isso acontece? É o que explicaremos hoje (27/06).

Auxílio está na penúltima parcela da rodada de pagamentos de 2021

Auxílio emergencial é o programa temporário de transferência de renda criado pelo governo federal em abril de 2020 e que permaneceu em vigor até dezembro do ano passado. Em 2021, o benefício voltou a ser pago novamente em abril, depois de três meses de discussões, idas e vindas.

Na volta do benefício, ficou definido em Medida Provisória editada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), após estudos feitos pela equipe econômica, de que seria possível repassar até quatro parcelas de um auxílio com valor reduzido em 2021.

Não recebi a 3ª parcela do auxílio emergencial; saiba o que fazer
Não recebi a 3ª parcela do auxílio emergencial; saiba o que fazer (Foto: Freepik.com)

Atualmente, a Caixa Econômica Federal é a responsável por realizar pagamentos da terceira parcela de um benefício com valores entre R$ 175 a R$ 350.

No entanto, reclamações são constantes pelo fato de a Dataprev, empresa responsável por manter os cadastros em dia e evitar fraudes, realizar análises frequentes e, por vezes, bloquear milhares de beneficiários que supostamente não fazem mais parte dos critérios.

Não recebi a 3ª parcela do auxílio emergencial: o que fazer?

Como citado acima, é provável que o benefício de tenha sido bloqueado pela Dataprev por conta do pente fino feito pelo órgão ligado à Previdência Social e gerido pelo Ministério da Economia.

A Dataprev realiza análises constantes para saber se todos os beneficiários cadastrados seguem fazendo parte do público-alvo. Por exemplo, quem começou a trabalhar com carteira assinada acaba sendo retirado da lista de cidadãos com direito ao auxílio.

Para saber o motivo de ter sido retirado da lista de beneficiários, faça o seguinte procedimento:

  • Vá até o site da Dataprev (consultaauxilio.cidadania.gov.br/consulta);
  • Na página de acesso, insira seu nome completo, nome completo da mãe, CPF e data de nascimento. Clique em confirmar para entrar;
  • Ao realizar o acesso, a Dataprev mostrará se seu benefício ainda está válido ou se foi suspenso. Caso a resposta seja negativa, serão mostrados os motivos.

Se discordar do motivo que fez seu benefício ser bloqueado, é possível contestar:

  • Na tela de consulta à justificativa da Dataprev para bloquear seu benefício, verá a opção “contestar”;

Escreva a sua justificativa para o benefício ser desbloqueado e confirme. A partir daí, basta aguardar que o Ministério da Cidadania faça a análise.

Aprenda a investir e ganhar dinheiro através de aplicativos

Se você quer fazer o seu dinheiro render, saiba que é possível começar a aplicar usando aplicativos de corretores e bancos e também aprender mais sobre o mundo dos investimentos. Através do vídeo abaixo, ensinaremos várias maneiras de fazer lucro exclusivamente por métodos digitais, usando somente um smartphone. Confira todos os detalhes:

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações