Quem tem direito ao abono de permanência? Confira

Benefício se volta aos estudantes, mas requer preenchimento de requisitos

Quem tem direito ao abono de permanência? Confira - Foto: Canva Pro
0

Existem diversos benefícios que se voltam à distribuição de renda para pessoas de baixa renda. Cada um deles, então, estabelece requisitos específicos para beneficiar cidadãos. Confira hoje, (29/08), quem tem direito ao abono de permanência e quais são as regras desse auxílio.

Esse benefício pertence ao Governo Federal. Contudo, algumas instituições estaduais também o ofertam, caso em que os requisitos variam de órgão para órgão. O auxílio federal, então, junta-se a outros de redistribuição, como é o caso do Bolsa Família, que em breve se tornará Auxílio Brasil.
O que é abono de permanência?
Esse é o nome que se dá ao benefício que se volta aos estudantes universitários brasileiros de universidades federais. Assim, o objetivo dele é auxiliar na subsistência do aluno durante o período do curso. Com isso, então, pretende diminuir a evasão universitária em razão de dificuldades econômicas.

quem tem direito ao abono de permanência Estudantes universitários de baixa renda, quilombolas e indígenas podem se beneficiar de auxílio federal, confira – Foto: Canva Pro
Quem tem direito ao abono de permanência?
Todos os benefícios do Governo Federal têm beneficiários e requisitos específicos. Portanto, isso não seria diferente em relação ao auxílio de permanência. Veja, então, quem pode se beneficiar do programa de distribuição de renda para estudantes:

Quilombolas;
Indígenas;
Estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Nesse caso, considera-se que o aluno deva pertencer a família com renda por membro de até 1,5 salário-mínimo. Isto é, de R$ 1650 por pessoa. Considera-se do grupo familiar, aliás, quem reside na mesma residência e tem lanços sanguíneos;

Ainda, cabe lembrar que para ter direito ao abono de permanência é indispensável que o requerente seja aluno com matrícula ativa em universidade federal.
Como fazer a inscrição no abono de permanência?
Embora o programa pertença ao Governo Federal, as inscrições e seleções de alunos ocorrem nas universidades federais. Dessa maneira, é preciso se informar na sua instituição de ensino quanto às inscrições e exigências.

Por outro lado, cabe ressaltar que a inscrição não fica disponível o ano todo. Cada instituição, então, determina os períodos para os seus alunos. Com isso, é imprescindível ficar atento quanto às aberturas de inscrições.

Quem for selecionado pode receber R$ 400 (alunos de baixa renda) ou R$ 900 (estudantes quilombolas e indígenas) mensais. Entretanto, para ter direito ao abono de permanência é indispensável comprovar a situação de renda, bem como ter matrícula em universidade federal.
Auxílio Brasil é substituto do Bolsa Família – Veja valor, quem será beneficiado e as críticas
Segundo o presidente Jair Bolsonaro, o valor do benefício, que agora se chamará Auxílio Brasil, deve aumentar. O político assegurou que o valor será ao menos 50% superior ao que, hoje, é pago para fins de auxílio. Segundo ele, “já está decidido uma proposta mínima de 50% para o Bolsa Família“.

Confira o vídeo abaixo e confira tudo sobre o novo programa que entrará em vigor em novembro deste ano.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações