- Advertisement -

Ilha proibida em São Paulo? Descubra a Ilha de Queimada Grande

Conheça o que a ilha reserva e a importância dela

Ilha proibida em São Paulo? Descubra a Ilha de Queimada Grande. Foto: Canva Pro
0

- Advertisement -

Hoje 24/11, aqui no Viagens Baratas, você irá conhecer a Ilha da Queimada Grande. Essa é uma ilha no litoral sul de São Paulo e que possui o acesso popular proibido, sendo necessário possuir uma autorização do ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) para poder desembarcar no local. Para entender o real motivo, leia mais.

Saiba mais sobre a Ilha da Queimada Grande

A ilha que se localiza no litoral norte de SP, também é vista pode ser a ilha mais perigosa do mundo, devido a maior quantidade de cobras por metro quadrado já visto no planeta.

- Advertisement -

Por esse motivo, a ilha também é conhecida como a Ilha das Cobras, por ser dominada por cobras venenosas, e não é habitada por humanos, além de ser proibida a visitação popular.

Isto é, as pessoas que frequentam a ilha são pesquisadores ambientais e biólogos, a fim de estudar mais sobre a espécie (Jararaca-Ilhoa), assim como vegetação da ilha e a conservação dela. Além disso, para desembarcar no local, é necessário além de uma autorização do ICMBio, também uma liberação emitida pela marinha brasileira.

Sobre a Jararaca-Ilhoa

A intenção dos pesquisadores e biólogos, é conservar o local que reserva diversas preciosidades biológicas, assim como, também conservar a espécie da cobra que está ameaçada de extinção.

A ameaça do local não são as cobras, mas sim, os impactos causados pelo homem através das queimadas quando desembarcavam na ilha, por isso, também há o nome de “Ilha da Queimada Grande”.

- Advertisement -

Além disso, também ocorre o tráfico de animais a para comercialização dessa espécie, que pode valer até R$30mil na deep web. Assim, também contribui para a extinção da espécie.

A cobra tem 5 vezes mais venenoso que a Jararaca comum, pois devido a ilha não ter roedores, as cobras precisavam subir em árvores para caçar pássaros, fazendo o veneno ficar mais forte e abater as presas mais rápido.

Saiba mais sobre a Ilha da Queimada Grande
Ilha proibida em São Paulo? Descubra a Ilha de Queimada Grande. Foto: Canva Pro

Perigo em todos os lados

Na Ilha da Queimada Grande, além de ter cobras em todos os cantos, não possui água potável. Dessa forma, o desembarque não é acessível, além de ser necessário, ter que atravessar um penhasco e uma costa rochosa e escorregadia.

Por isso, no ano de 2010, a ilha foi considerada como o local mais perigoso do mundo segundo o site de entretenimento Listverse. Algumas lendas que circulam sobre a ilha, se referem aos tesouros deixados por antigos piratas, no qual as cobras estão lá, para protegê-los. Porém, a ciência explica que há mais de 10 mil anos, houve um aumento do nível do mar, por conta do derretimento das geleiras. Ao isolar a ilha, as espécies de cobras presente ali, evoluíram e se adaptaram com o passar do tempo.

Além disso, há outras espécies de cobras na ilha, como também há insetos, serpentes, aranhas, lagartos e aves. Ou seja, embora a ilha seja pequena em território, ela é muito importante biologicamente, por possui um rico ecossistema natural.

Veja também: Conheça os Paraísos da Comida de Rua em São Paulo

Educação financeira: descubra INVESTIMENTOS FÁCEIS A PARTIR DE R$50

- Advertisement -

Comentários
Loading...