Senador reforça cobrança por votação de PL que reduz taxas de juros

Projeto de autoria do senador Alvaro Dias foi aprovado no Senado e aguarda votação na Câmara há oito meses

O Brasil está vivendo uma crise econômica gerada pela pandemia de coronavírus. Desde 2020, números de casos de infecções e mortes só fazem subir. Para tentar reduzir este quadro, a vacinação e o distanciamento social são as únicas armas. Em meio a isso, a economia do país sofre o impacto direto e atinge principalmente os menos favorecidos. Atualmente, existe um PL aprovado no Senado, que reduz taxas de juros, mas ainda não foi pautado na Câmara dos Deputados. Entenda hoje (04/04).

Senador propõe taxas de juros de até 30% ao ano em 2021

-- Continuar depois da publicidade --

O Projeto de Lei 1166/2020, de autoria do senador Alvaro Dias (PODEMOS-PR), tem como principal objetivo definir um teto de juros para todas as modalidades de crédito disponibilizadas no Brasil e que atualmente são fontes de endividamento por parte da população.

Destacando o crédito rotativo de cartões de crédito e o cheque especial dos bancos, o senador relata que existem taxas de juros que ultrapassam a casa dos 300% ao ano e chegam a até R$ 600% ao ano.

Senador reforça cobrança por votação de PL que reduz taxas de juros em 2021
Senador reforça cobrança por votação de PL que reduz taxas de juros em 2021 (Foto: Agência Senado)

Já o PL, enviado ao Senado em março de 2020, estabelece um teto de 30% de taxa de juros ao ano até o início do primeiro semestre deste ano. Ou seja, mais de um ano já se passou e não há definição sobre o assunto.

“Os juros para o crédito rotativo do cartão de crédito e todas as demais modalidades de crédito ofertadas por meio de cartões de crédito e para a linha de crédito do cheque especial não poderão exceder a 30% a.a. (trinta por cento ao ano)”, diz o PL 1166/2020, que pode ser encontrado no site da Câmara dos Deputados.

-- Continuar depois da publicidade --

Autor do projeto, senador Alvaro Dias reforça cobrança para andamento na Câmara

O texto foi aprovado pelo Plenário do Senado Federal no mês de agosto de 2020 e foi prontamente enviado à Câmara dos Deputados.

Quase oito meses depois, o segue na gaveta da Câmara dos Deputados – tanto durante o período de mandato de Rodrigo Maia (DEM-RJ) como presidente da casa, como também de Arthur Lira (PP-AL), que preside atualmente.

Através de seu Twitter, Alvaro Dias reforçou as críticas sobre as taxas de juros no Brasil e pediu que seu projeto siga adiante na Câmara.

“E o meu projeto que limita em 30% ao ano as taxas de juros, continua na gaveta do presidente da Câmara dos Deputados. Até quando ? #AlvaroDias”, escreve o senador.

FGTS Aniversário 2021: Até Quando É Possível Sacar?

O FGTS aniversário 2021 é uma das alternativas que os trabalhadores têm para movimentar o Fundo de Garantia. Contudo, ele segue uma série de regras quanto à data da solicitação, aos prazos de saque e ao valor. Para não perder a chance de sacá-lo conheça as normas.

-- Continuar depois da publicidade --

Comments
Loading...