Fazer o Bolsa Família pelo celular é possível?

Com a pandemia e o avanço da tecnologia, brasileiros questionam a possibilidade de fazer o cadastro pela internet

-- Continuar depois da publicidade --

O Bolsa Família é um programa assistencial que tem ajudado milhares de famílias a conseguir renda para acesso a educação, alimentação e saúde. Desde sua criação em 2003, o programa tem sido fundamental para a subsistência de muitos brasileiros, entretanto, nem todos os que precisam possuem cadastro. Seria possível então fazer o bolsa família pelo celular? É o que vamos explicar hoje, 05/01.

Fazer o Bolsa Família pelo celular é possível? (imagem: divulgação/Freepik)
Fazer o Bolsa Família pelo celular é possível? (imagem: divulgação/Freepik)

-- Continuar depois da publicidade --

Veja também: Cadastro Bolsa Família: saiba como se inscrever no programa

É possível fazer o Bolsa Família pelo celular?

Os interessados que atendam todas as condições do programa assistencial devem se cadastrar primeiro no Cadastro Único do Governo Federal para só então se cadastrar no Bolsa Família.

Há propostas no sentido de realizar a inscrição no Cadastro Único pela internet, entretanto, atualmente não é possível fazer o bolsa família pelo celular. Isso porque, para se cadastrar no CadÚnico, é preciso comparecer pessoalmente ao setor responsável na prefeitura da sua cidade.

Apesar de ter sido criado pelo Governo Federal, o programa é operacionalizado e atualizado pelas prefeituras.

Estando no Cadastro Único e tendo seus dados atualizados, qualquer brasileiro pode ter acesso completo a diversos programas do governo, como a tarifa social de energia elétrica, o Minha Casa, Minha Vida e a Carteira do Idoso.

Veja também: Governo amplia prazo para saques do Bolsa Família durante a pandemia

Como se cadastrar e qual a documentação necessária?

-- Continuar depois da publicidade --

Para se cadastrar, basta ir ao Centro de Referência de Assistência Social – CRAS da sua cidade.

Para isso, será necessário levar seus documentos de identificação pessoal, como RG ou Título de eleitor e de toda a família. Para os menores que ainda não tem documento, a Certidão de Nascimento pode ser apresentada.

Comprovante de endereço não é obrigatório, mas ajudam a deixar o seu cadastro completo, além disso, algumas prefeituras podem exigi-lo. Caso tenha o comprovante de matrícula dos menores, é interessante leva-lo também.

Como informado, o cadastro não pode ser feito pela internet, é preciso ir até o CRAS de sua cidade e realizar o cadastro presencialmente. Em menos de uma hora, ele poderá ser realizado.

Veja também: Saiba como receber o Bolsa Família pelo Caixa Tem em 2021

Quem pode se inscrever no Bolsa Família?

Nem todas as famílias brasileiras podem se inscrever no Bolsa Família. Isso porque o programa é destinado a um grupo de famílias que estejam em situação de pobreza ou extrema pobreza.

Famílias que estejam em situação de extrema pobreza são aquelas que vivem com uma renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa. Por outro lado, as famílias pobres são as que possuem renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa.

Essa situação será verificada pelo governo no momento do cadastro e se estiver em conformidade, ele será aprovado.

Com o cadastro realizado, aprovado pelo Ministério da Cidadania e devidamente atualizado, as famílias receberão a ajuda financeira do Governo Federal.

Para a manutenção do programa, quem possui filhos com idade de 0 a 7 anos, deve manter em dia o cartão de vacinação. Além disso, a frequência escolar de crianças e adolescentes da família deve estar dentro do percentual estabelecido pelo governo, que varia de 75% a 85%.

-- Continuar depois da publicidade --

Para obter mais conteúdos siga o Folha Go no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Comments
Loading...