Prova de Vida INSS Itaú pode ser feita em caixas eletrônicos

Segurados do INSS podem provar vida com simples ação bancária

O período de suspensão da obrigatoriedade da Prova de Vida INSS Itaú está chegando ao fim e o tema já causa dúvidas aos beneficiários. Em meio à indefinição quanto à retomada da ação obrigatória, explicaremos, hoje (14/01) sobre como realizar o processo no banco.

Prova de Vida é uma exigência feita pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para ter certeza de que seus atuais beneficiários continuam vivos e garantir que o benefício continue sendo pago de maneira correta e legal.

A ação deve ser feita anualmente por 100% da base de segurados de direitos relacionados à Previdência Social, como aposentadoria e os demais seguros. Visa, principalmente, dar segurança ao cidadão e ao Estado Brasileiro. Sendo assim, quem não faz a prova anual, tem o benefício automaticamente bloqueado.

A prova pode ser realizada de inúmeras maneiras e é facilitada pelos bancos que possuem parceria com o INSS. É o caso do Itaú, que auxilia os beneficiários com uma maneira simples e prática de provar que está vivo e seguir recebendo normalmente o benefício previdenciário.

Prova de Vida INSS Itaú pode ser feita em caixas eletrônicos
Prova de Vida INSS Itaú pode ser feita em caixas eletrônicos (Foto: rawpixel.com)

Leia mais: Prova de Vida do INSS 2021: veja aqui as respostas para as 05 principais dúvidas

Saiba agora como fazer a Prova de Vida INSS Itaú

A prova de vida é feita pelo Itaú simplesmente com o uso da biometria para qualquer movimentação bancária realizada pelo segurado, tutor ou curador do benefício do INSS.

Isto é, com um simples saque em caixa eletrônico, usando a biometria, a prova de vida é renovada por mais um ano junto ao banco, que repassa a informação para a Previdência.

Ou seja, é possível realizar a prova sempre que retira o próprio benefício em um caixa eletrônico do Itaú.

A ação pode ser feita e é válida mesmo durante o período de suspensão da obrigatoriedade da prova de vida.

Outra forma de provar que está vivo é comparecer a uma agência do Itaú, portando documentos com foto, cartão da conta corrente ou poupança e o cartão do INSS.

Leia também: Prova de vida para aposentado: Quando e como fazer?

Obrigatoriedade da prova de vida está suspensa até o fim deste mês. E depois?

Porém, desde que os números da pandemia de coronavírus se tornaram altos e assustadores, a prova de vida foi suspensa. Isso aconteceu a partir de março de 2020 e continua até o final de janeiro de 2021.

A medida de suspender a obrigação de provar que está vivo foi suspensa para preservar a saúde e segurança dos próprios segurados do INSS que, em sua maioria, são idosos e aposentados. Ou seja, fazem parte do grupo de risco da Covid-19.

Em meio à continuidade da pandemia em janeiro de 2021, será que a ação se tornará novamente obrigatória nos próximos meses?

Até o momento, o INSS ainda não confirmou se voltará a cobrar a prova de vida a partir do dia 1º de fevereiro.

No entanto, internamente o Instituto Nacional do Seguro Social está avaliando a possibilidade de adiar mais uma vez o retorno da exigência de provar que está vivo para a manutenção dos benefícios previdenciários.

De acordo com contato feito pela Folha de S. Paulo junto a um funcionário do órgão, atualmente a probabilidade é de 90% para a manutenção do período de suspensão da obrigação de provar vida nos primeiros meses de 2021.

Leia ainda: INSS: prova de vida 2021 está chegando e quem não fizer pode perder benefício

Comments
Loading...