Content for id "histats" Goes Here

Leda Nagle fala sobre a perda de Arthur Xexéo

Apresentadora comenta, com muita tristeza, o acontecimento que, para ela, causou bastante dor e vai deixar um sentimento de muita saudade

Reprodução do Instagram de Leda Nagle. Arthur Xexeo
0

Na virada desta domingo para segunda-feira (28), a jornalista e apresentadora Leda Nagle declarou, em suas redes sociais, a sua tristeza pela perda de Arthur Xexéo, que veio a falecer nesses últimos dias, deixando muitas pessoas comovidas com o triste fato.

ID do canal inválida ou não há videos.

Leda Nagle compartilhou um momento em que esteve ao seu lado e ainda enalteceu o grande talento de Arthur Xexéo e finalizou dizendo sobre sobre a saudade que sentirá dele daqui para frente. Em suas palavras, Leda disse:

“Uma tristeza profunda. Dói muito perder este talento grandioso, esta pessoa querida, este amigo afetuoso. Dói demais. Arthur Xexeo muitas saudades terei.”, legendou Leda Nagle.

Web comenta post de Leda Nagle

Leda Nagle recebeu muitos comentários do público da web, em que as pessoas deixaram seus sentimentos de tristeza pelo falecimento e desejando força e muito consolo para todos aqueles que, de alguma forma, estiveram ligados a Arthur Xexéo. Dentre todos os comentários, foi dito:

“Nossa!!! Muito triste!! Foi diagnosticado com linfoma há 2 semanas e teve parada cardiorrespiratória pós quimioterapia. Uma grande perda!!”, disse uma seguidora. “Meus sentimentos, Deus conforte a todos”, declarou também uma segunda seguidora. “Q triste! Meus sentimentos, Ledinha”, disse ainda um terceiro.

Momento de luto

O luto é um momento muito difícil que, inevitavelmente, temos que passar um dia. E, justamente por ser um momento já esperado, somos capazes de observarmos o luto como algo que, de antemão, podemos prever ou, então, nos preparar diante dele. Porém, o momento do luto, sentido na pele, é algo que somente nós saberemos o que estamos passando.

Muitas forma de lidar com o luto são válidas: alguns procuram o conforto nas orações, outros em seus familiares, alguns, ainda, buscam ajuda psicológica e terapêutica. O fato é sério e precisa ser encarado como tal por quem vive. A depender do grau de parentesco, da circunstância e da intimidade que ambos compartilhavam, tudo pode ser uma questão crucial.

Nesse caso, assim como muitos outros, o conforto e as orações se mostram suficientes por quem não teve um contato mais próximo ao Arthur, e isso não exclui o fato de termos empatia para com todos aqueles que, num momento de dor, vêm a sofrer por isso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceito Mais informações