Ainda dá tempo de ter a restituição DPVAT 2020; veja como fazer

Para quem pagou o DPVAT este ano, ainda dá tempo de pedir a restituição.

Anúncio


Você sabia que pode ter dinheiro esperando por você devido a restituição DPVAT 2020? Trata-se da devolução da diferença dos valores pagos por proprietários de veículos. Os valores estão disponíveis desde janeiro, mas falta apenas um mês para o fim do ano e milhares de pessoas ainda não sacaram o recurso. Entenda, neste sábado (13), como agir para ter o dinheiro.

Continua depois da publicidade
Imagens do trânsito e a restituição DPVAT 2020: veja como fazer
Ainda dá tempo de pedir a restituição DPVAT 2020; veja como fazer (Imagem: divulgação/Exame)

Veja também: seguro proteção de preços é opção contra ciladas na Black Friday.

O que é o DPVAT?

O DPVAT é um seguro obrigatório que tem como objetivo assegurar mais de 210 milhões de brasileiros em casos de acidentes no trânsito. Apesar do pagamento ser feito por donos de veículos automotores, qualquer pessoa pode se beneficiar, seja ela motorista ou pedestre.

Continua depois da publicidade

Em todos os casos envolvendo acidentes de trânsito, o prejudicado pode acionar a Seguradora Líder (responsável pela administração do consórcio que gere o seguro) e pedir cobertura em casos de morte, despesas médicas ou invalidez.

Continua depois da publicidade

Veja também: empresa com sede na Alemanha transforma ilha grega em modelo sustentável.

Como solicitar o reembolso?

Mais de três milhões de brasileiros ainda não pediram a restituição, que pode ser feita diretamente no site da seguradora. Os valores, que variam de R$ 10,98 a R$ 72,28, podem ser solicitados por quem pagou o DPVAT 2020 com o valor de 2019.

A restituição pode ser feita até dezembro deste ano. Caso o dono do veículo deixe de solicitá-la neste período, será necessário entrar em contato com a seguradora por meio do formulário de reclamações/sugestões.

Para pedir o reembolso, basta seguir os passos abaixo:

  1. Acesse o site da Seguradora Líder neste link;
  2. Preencha os dados que são solicitados.

Se tudo estiver correto, os valores serão depositados na conta do solicitante em até dois dias úteis.

Quais os documentos que preciso ter para solicitar a restituição DPVAT 2020?

Para pedir a restituição DPVAT 2020, é preciso ter em mãos os seguintes documentos:

  1. CPF ou CNPJ do proprietário do veículo;
  2. Renavam;
  3. E-mail ou telefone de contato;
  4. Data do pagamento do seguro;
  5. Valor pago;
  6. Informações bancárias (conta, agência e banco) para a realização da transferência.

Caso os proprietários de veículos não tenham conta em banco, devem entrar em contato com a seguradora e solicitar outro forma para receber os valores devidos.

Caso o valor tenha sido pago junto de outras taxas, como acontece com o licenciamento ou IPVA, você deve informar, no ato do preenchimento, apenas o valor do seguro.

Veja também: conheça o perfil de 5 donos de gatos: sabe qual é o seu?

Como funciona a restituição DPVAT 2020?

Informações da própria instituição dizem que quem pagou o valor antes da redução, tem direito ao reembolso. A restituição será feita por meio de depósito em conta corrente ou poupança informado pelo proprietário do veículo.

A seguradora não tem como saber os dados bancários de todos os que pagaram o seguro, por isso é necessário realizar o pedido diretamente no link informado acima.

Após o preenchimento de todas as informações, será gerado um número de protocolo para acompanhamento da solicitação no mesmo site.

Caso você ainda não tenha feito o pedido, recolha os documentos e faça a solicitação. É um direito seu!

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies