Como transferir o auxílio emergencial para o PicPay? Saiba aqui

PicPay permite o depósito do recurso disponível no Caixa Tem de forma imediata

Anúncio


Transferir o auxílio emergencial para o PicPay – A Caixa determina dois calendários para repassar o dinheiro a quem recebe o benefício de combate à pandemia. Um deles confirma a data do depósito e o segundo, por sua vez, é sobre a data de saque. Mas é possível obter o dinheiro antes do prazo. Portanto, nesta sexta-feira (30) veremos na matéria que um dos caminhos para essa antecipação, pode ser transferindo o auxílio emergencial para o PicPay.

Continua depois da publicidade
Como transferir o auxílio emergencial para o PicPay? Saiba aqui
Como transferir o auxílio emergencial para o PicPay? Saiba aqui (Foto: Freepik.com)

Aplicativos que funcionam como carteira virtual estão ganhando cada vez mais popularidade no Brasil. E muitos deles conquistando ainda mais espaço por darem a possibilidade de antecipar o saque do auxílio emergencial.

E este é o caso do PicPay. Trata-se de uma fintech brasileira, fundada em 2012, no estado do Espírito Santo, e que possibilita ao cidadão a transferência imediata do recurso depositado na poupança social digital da Caixa.

Continua depois da publicidade

Leia mais: Auxílio emergencial do Bolsa Família não caiu na conta? Entenda a situação

Continua depois da publicidade

Como transferir o auxílio emergencial para o PicPay

É possível transferir o dinheiro do Caixa Tem para o PicPay em poucos passos e de duas maneiras: por cartão de débito vitual e por boleto bancário.

Nos dois casos, as ações são legais e permitidas pelas autoridades bancárias por não infringirem nenhuma regra do auxílio emergencial.

O acesso ao PicPay é simples e pode ser feito a partir de um cadastrado, após baixá-lo através da loja de aplicativos de seu aparelho com sistema operacional Android ou iOS.

Explicaremos em detalhes, portanto, como proceder nas duas operações. Veja na sequência.

Leia também: Auxílio emergencial e Justiça Federal: veja seus direitos e receba as 9 parcelas

Transferir auxílio emergencial pelo cartão de débito virtual

  • Com o acesso feito à página principal do PicPay, para transferir dinheiro para o PicPay utilizando o cartão de débito virtual basta clicar na opção “Carteira” e, em seguida, em “Adicionar Dinheiro”;
  • A partir daí, o aplicativo mostrará as maneiras de depósito permitidas. Então, deve clicar em auxílio emergencial e FGTS;
  • Depois, precisa escolher “cartão de débito Caixa” e inserir o valor que deseja depositar;
  • A partir daí, o usuário precisa informar todos os dados do cartão de débito virtual disponibilizado através do Caixa Tem, digitando as informações que nele constam: número, nome, data de vencimento e código de segurança;
  • As transações envolvendo o cartão de débito virtual do Caixa Tem possuem cobrança de 1,99% de taxa.

Esse valor equivale a uma cobrança de R$ 6 se depositar R$ 300 e de até R$ 12 se depositar R$ 600.

Transferência do benefício disponível no Caixa Tem por boleto bancário

O depósito na carteira do PicPay, com o método de boleto bancário, é feito de maneira semelhante ao do cartão de crédito virtual.

  • Ao acessar a opção de carteira e clicar em auxílio emergencial e FGTS, deve clicar desta vez em boleto bancário;
  • Nesta opção, basta inserir o valor para que o documento de pagamento seja emitido de acordo com o que foi pedido. Nenhuma taxa é cobrada através deste método.
  • Com o boleto emitido com o valor que foi solicitado, basta copiar a linha digitável e acessar o Caixa Tem;
  • Já dentro da poupança social da Caixa, vai escolher de realizar pagamentos;
  • Por fim, basta colar a numeração copiada do boleto bancário e confirmar a operação de pagamento digitando a senha do Caixa Tem.

Leia ainda: Saiba aqui como contestar o auxílio emergencial cancelado

As transações no PicPay, feitas com boleto bancário, demoram até dois dias úteis para serem compensadas.

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies