Entenda como investir em fundos de pensão e complementar a aposentadoria

Fundos de pensão tem sido opções interessantes de investimento a longo prazo.

A aposentadoria é o resultado de trabalho duro de anos a fio do trabalhador. Teoricamente seria o momento de “pendurar as chuteiras” e aproveitar os anos fora do competitivo mercado de trabalho. No entanto, como se sabe bem, em muitos casos, o valor a ser recebido não será suficiente para subsistência. Desse modo, alguns são levados a pensar em investir em fundos de pensão.

Veja também: quem paga pensão, tem que pagar 13º?

Fundos de pensão são soluções alternativas para aposentadoria.
Como investir em fundos de pensão e complementar a aposentadoria? (Foto: reprodução/onze)

O que são fundos de pensão?

Pertencentes a previdência fechada, os fundos de pensão são opções de investimento para complementar a aposentadoria. O trabalhador que opta em participar de um fundo, tem um valor descontado no seu salário mensal e registrado para resgate futuro.

Os valores recolhidos são investidos em aplicações no mercado de ações, renda fixa e até no setor imobiliário.

Ao se aposentar, o trabalhador começa a receber uma parcela do investimento todos os meses para, então, complementar a sua aposentadoria.

Fundos de pensão mais populares

Atualmente, tem-se no Brasil, mais de R$ 950 bilhões depositados neste tipo de investimento, o que pode comprovar, portanto, sua seriedade.

Esses valores não foram reunidos da noite para o dia. Isso, porque os primeiros fundos de pensão foram criados em 1970 e de lá para cá, esse montante tem crescido cada vez mais.

Por trás de grandes fundos de pensão, existem empresas consolidadas no mercado. Conheça os mais populares:

  • Valia: fundo de pensão patrocinado pela empresa Vale;
  • Petros: fundo patrocinado pela Petrobrás;
  • Funcef: Patrocinada pela Caixa Econômica Federal.

Quando uma empresa opta por criar um fundo de pensão para seus funcionários, ela dá a ele a opção de aderir. Optando pelo investimento, o colaborador começa a contribuir todos os meses e a empresa complementa esse valor com uma cota parte.

Veja também: como saber se tenho direito ao Fundo de Garantia?

Vantagens e riscos

Os fundos de pensão apresentam vantagens e riscos, assim como qualquer investimento. Como principais vantagens, podemos citar:

  • Boa rentabilidade: a rentabilidade média dos fundos de pensão é uma boa pedida para quem quer se aposentar, mas não sabe onde investir. Isso porque os profissionais que gerem esses fundos conseguem sempre uma rentabilidade excelente;
  • Diversificação da carteira: a diversificação em vários ativos garante também a segurança no investimento. Ou seja, são menores as chances de ser atingido pela volatilidade do mercado;
  • Desconto direto no salário: com o investimento direto no salário do colaborador, fica fácil manter o investimento mensal.

Pode acontecer de algum fundo de pensão apresentar riscos. Esses riscos, normalmente, são associados à má administração ou fraude. Mas são pouquíssimos os relatos de fundos que tenham quebrado.

Veja também: quem recebe pensão por morte, tem direito ao auxílio emergencial?

Como investir em um fundo de pensão e ter um dinheiro a mais na aposentadoria?

Como é um plano de previdência complementar fechado, nem todo mundo tem acesso aos benefícios dos fundos de pensão. Somente podem participar, aqueles funcionários que possuem algum vínculo com uma empresa que tenha um fundo ativo.

Além dos colaboradores, também podem participar os associados e membros de cooperativas e associações de classe que sejam instituidoras.

Se na sua empresa existe a possibilidade de participar de um desses fundos, vá ao setor de Recursos Humanos (RH) e busque mais informações. Veja riscos, taxas e transparência e se informe.

Comments
Loading...