Criptografia: Americanos não Entendem o Básico

Relatório de alfabetização de criptografia de 2021 sugere que 96% dos americanos não compreendem o conhecimento criptográfico básico.

0

Hoje 29 de novembro de 2021, a FolhaGo traz para você novidades do universo das criptomoedas, dessa vez, sobre os americanos e seu entendimento sobre criptografia.

Um estudo recente sugere que 99% das pessoas do México e do Brasil e 96% dos nortes americanos não conseguem entender os conceitos básicos de criptografia.

De todos os entrevistados da pesquisa que conhecem a bitcoin, 17% nos EUA, 15% no Brasil e 14% no México possuem o criptoativo.

O relatório publicado por cryptoliteracy.org explica ainda que 9 em cada 10 entrevistados não sabiam que o fornecimento de bitcoin está limitado a 21 milhões.

Você pode gostar: Criptomoedas: Sanções sobre corretoras visa mais segurança nos EUA

Nível de Conhecimento em Criptografia

imagem usada para ilustrar questionário de criptografia
imagem usada para ilustrar questionário de criptografia

De acordo com um estudo publicado por cryptoliteracy.org, a compreensão dos fundamentos da criptografia é baixa em 2021.

Os pesquisadores alavancaram uma pesquisa Yougov para amostrar cerca de 1.000 participantes que conhecem as criptomoedas de cada país.

O estudo consistiu em 17 questões relativas a criptomoeda, bitcoin, finanças descentralizadas (defi), tokens não fungíveis (NFTs) e sentimento geral.

Uma das principais descobertas da pesquisa observa que “a propriedade é o melhor professor”, o que significa que os participantes da pesquisa que possuíam uma moeda digital tinham duas vezes mais probabilidade de responder ao questionário de 17 questões corretamente.

Saiba mais: Criptomoedas: Sanções sobre corretoras visa mais segurança nos EUA

Falha na Inclusão Financeira

imagem usada para ilustrar educação e dinheiro
imagem usada para ilustrar questionário de criptografia

Além disso, o relatório cryptoliteracy.org , acerca da criptografia, explica que apenas 33% dos entrevistados acreditavam que comprar ativos criptográficos era fácil hoje.

Além disso, a pesquisa acredita que “a criptografia está falhando em sua missão de inclusão financeira”.

A propriedade tende a apontar para usuários ricos e com alto nível de escolaridade agora, conforme os resultados da pesquisa.

Além disso, as gerações mais velhas são “deixadas para trás” no que diz respeito à compreensão da criptomoeda, já que 67% dos ‘Baby Boomers’ dos EUA tinham uma “falta de conhecimento de criptografia”.

Outras descobertas importantes da pesquisa indicam que mexicanos e brasileiros têm maior probabilidade de comprar e vender criptografia nos próximos seis meses.

Enquanto isso, os casos de uso podem variar segundo a geografia e geração, detalha o estudo.

O que você acha do relatório 2021 State of Crypto Literacy? Deixe-nos saber o que você pensa sobre este assunto na seção de comentários abaixo.

Veja também: O poder do DeFi: Elon Musk faz tweet sobre o ativo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.