Salvador terá multa para quem discriminar demonstrações de afeto entre LGBTQI+

Em Salvador, serão penalizadas situações de discriminação contra demonstrações de afeto entre pessoas e casais homoafetivos e o dinheiro obtido será utilizado para demandas de frentes LGBTQI+ do próprio município.  

Foto do revisor (Bruna Shimizu Nogueira)
Revisado por: (Bruna Shimizu Nogueira)
Anúncio


Segundo a A lei Teu Nascimento nº 291/17 que foi sancionada pelo prefeito ACM Neto nesta sexta-feira (16), será regularizado um sistema de multas para situações de homofobia na cidade de Salvador BA. A penalidade poderá a chegar a quatro mil reais em dinheiro.  

Continua depois da publicidade

Serão penalizadas situações de discriminação contra demonstrações de afeto entre pessoas e casais homoafetivos e o dinheiro obtido será utilizado para demandas de frentes LGBTQI+ do próprio município

Veja também: Confira como participar da oficina gratuita com certificado do curso Checa Fato

Continua depois da publicidade

Apesar do tom progressista, é necessário entender que não há, de fato, o que se comemorar, uma vez que é difícil pensar que, ainda em 2020, exista a necessidade de leis e ementas que assegurem o direito a pessoas LGBTQI+ de demostrarem afeto.  

Continua depois da publicidade

Além disso, o Brasil está entre os líderes mundiais quando o assunto é discriminação motivada pela orientação sexual.  Em uma das páginas onde foi divulgada a notícia, muita gente se questionou sobre a aplicabilidade desta nova lei.  

Tal discussão vem à tona pois, segundo muitas pessoas, não há a fiscalização necessária para que, de fato, esta lei seja cumprida e levada a sério. Outro ponto pode ser que algumas pessoas vejam a situação como um “privilégio” por parte dos LBGTQI+. 

Fique por dentro: Aplicativo e-saúdesp tem novas atualizações e melhorias aos usuários

Portanto, este é um assunto delicado por si só. Afinal, é necessário, sim, a disseminação de informações para que não fiquemos reféns de velhas crenças e para que possamos juntos construir um amanhã mais tolerante para todos é o mais importante, em todos os sentidos. 

Exemplos de homofobia na mídia  

Há pouco tempo, o youtuber Gustavo Rocha foi foco de homofobia ao se assumir homossexual. As represálias duram cerca de uma semana e, mesmo com a possiblidade da punição por cyberbullying, os extremistas não se calaram.  

https://www.instagram.com/p/CGZwO17nGpf/?igshid=1lmd88ko1nfbi

Veja também: Ativista Luisa Mell se pronuncia sobre mulher que foi morta por defender cachorro no Paraná

Carregando comentários aguarde...
...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais

Política de Privacidade e Cookies